Sistema Cantareira tem volume de 27% da capacidade nesta segunda

O Sistema Cantareira, um dos sistemas que abastecem a Região Metropolitana de São Paulo (RMSP), está com 27,8% da capacidade de seu volume operacional nesta segunda-feira (10), segundo dados da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp). O volume teve variação positiva em relação a ontem, de 0,3 pontos percentuais.

Desde 30 de dezembro, quando estava em 24,8%, o volume do Cantareira vem apresentando pequenas variações positivas. No entanto, há um ano, em 10 de janeiro de 2021, o volume era de 37,5%.

A Sabesp informou, em nota, que não há risco de desabastecimento neste momento na RMSP, mas reforçou a necessidade de uso consciente da água. Segundo a companhia, as projeções são de aumento no nível dos reservatórios em janeiro e fevereiro, meses com maiores médias históricas de chuvas.

A Sabesp informou ainda que seus investimentos tornaram mais flexível o Sistema Integrado da RMSP, que, além do Cantareira, é composto por outros seis mananciais, sendo possível abastecer áreas diferentes com mais de um sistema produtor, conforme a necessidade.

“Um conjunto de medidas vem sendo adotado para a segurança hídrica e preservação dos mananciais: integração do sistema (com transferências de água entre regiões), ampliação da infraestrutura e gestão da pressão noturna para maior redução de perdas na rede”, disse, em nota.

Fonte: Agência Brasil – Foto: Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo