Palmeiras vence a Ferroviária e assume a liderança do Brasileiro Feminino

O Palmeiras venceu a Ferroviária por 3 a 1, neste sábado, em jogo válido pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro Feminino e que teve a liderança em disputa. Com a vitória, as palestrinas passam a ocupar o 1º lugar da tabela, três pontos à frente das vice-líderes.

O confronto aconteceu com mando da equipe de Araraquara, na Fonte Luminosa. As equipes estavam empatadas com trezes pontos cada, mas o maior saldo de gols colocava as mandantes na liderança do campeonato.

O destaque da partida foi Patrícia Sochor, meia ex-Ferroviária, autora de dois gols das vencedoras. O segundo deles, um golaço de cobertura sem chances para a goleira da Ferrinha. Bia Zaneratto, craque do Palmeiras, fechou o placar para as visitantes. Pelo lado da equipe grená, o gol solitário foi marcado pela volante Luana.

O Palmeiras agora enfrenta o Real Brasília, no próximo domingo (24), às 15h (de Brasília), no Allianz Parque. Já a Ferroviária joga contra o Cruzeiro, em casa, também no domingo, às 18h.

A partida começou morna, sem grandes perigos no início. A primeira grande chance foi acontecer aos 12 minutos de jogo, quando a Ferroviária chegou com a meia Suzane, que chutou no canto direito do gol, mas a bola foi raspando para fora. Quatro minutos depois saiu o primeiro cartão,a lateral-direito mandante Carol Tavares.

A partir daí, a partida voltou a esfriar. Muito brigado e concentrado no meio de campo, o jogo continuou sem grandes chances. As duas equipes não sujaram o uniforme das goleiras até os 35 minutos, quando a lei da ex entrou em ação. Em jogada de Bia Zaneratto, a camisa 10 passou para Duda Reis, que apenas rolou para Sochor finalizar sozinha na área e abrir o placar.

Aos 42, quase gol contra. A lateral do Palmeirias Thaís Ferreira tentou tirar a bola da área e acabou acertando o próprio travessão. O rebote ainda bateu nas costas da goleira Jully antes da zagueira Augustina conseguir afastar o perigo. Com quatro minutos de acréscimos, o primeiro tempo acabou sem mais grandes oportunidades.

A etapa final começou com tudo, bem diferente do visto no início da partida. Com duas substituições, a Ferroviária partiu para cima e, logo no primeiro minuto, quase empatou a partida com Aline Gomes. Em resposta, o Palmeiras foi para o ataque e após passe de Andressinha na entrada da área, Patrícia Sochor mandou de cobertura para o gol de Luciana, que ficou sem chances de defesa. 2 a 0.

Cinco minutos mais tarde, a Ferrinha conseguiu diminuir com a volante Luana. Após falha da goleira palmeirense, a defesa não conseguiu afastar e a bola sobrou livre para a camisa 4 fazer o 2 a 1.

As donas da casa se animaram com o gol e continuaram no ataque. Aos 13 minutos, a meia Fany Gauto acertou o travessão em chute de primeira. Mas o início de reação da Ferroviária não durou o esperado. Menos de dez minutos depois, aos 22, Bia Zaneratto matou a partida. Após receber no meio de campo, a Imperatriz fez fila para entrar na área e ampliar para as visitantes. Dando números finais ao placar, 3 a 1.

O baque do terceiro gol foi nitidamente sentido pelas jogadoras mandantes, que conseguiram manter o domínio da posse de bola, entretanto sem levar perigos ao gol alviverde. O Palmeiras, naturalmente recuado, buscou apenas segurar o placar e passou o restante da partida deixando o relógio passar a seu favor.

Foram feitas alterações em ambos os lados, cartões amarelos mostrados para as duas equipes, porém sem grandes lances para acontecer. Finalizados os cinco minutos de acréscimos dados pelo árbitro, o jogo foi encerrado com  a vitória Palestrina e a liderança conquistada para si.

Em duelos pela parte de baixo da tabela, o lanterna Bragantino empatou com o São José, em casa, em 1 a 1 e continua sem vencer no campeonato. Já o Grêmio conquistou a primeira vitória, contra o Esmac (PA), em casa, por 1 a 0.

Fonte: Yahoo! – Foto: Divulgação/Ferroviária