Motorista de van escolar estupra menino de seis anos dentro de banheiro de igreja

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

O motorista de uma van escolar preso suspeito de ter abusado de um menino de seis anos dentro de uma igreja, no início de setembro deste ano, precisou prestar esclarecimentos à polícia sobre outros quatro estupros de crianças. O homem foi levado à delegacia na quinta-feira (17), mas negou que tenha praticado abuso sexual, alegando que foi mal interpretado.

Samuel Lucas Lacerda foi preso no dia 4 de setembro, suspeito de abusar de um menino dentro do banheiro de uma igreja na Serra, Grande Vitória, no mês de agosto. Segundo o delegado Lorenzo Pazolini, o homem confessou esse crime. De acordo com as investigações, o suspeito sempre dava doces para crianças da igreja que frequentava.

Os novos casos foram descobertos depois que as famílias das crianças procuraram a polícia. As vítimas são meninos e meninas entre cinco e nove anos de idade.

“Elas [as crianças] relatam com riqueza de detalhes que no caminho entre as casas delas e as escolas, o Samuel fazia brincadeiras estranhas, nas palavras das crianças, e praticava sexo oral com elas. Ou seja, a conduta do Samuel reincidia no caso de estupro de vulnerável”, disse o delegado.

Apesar dos relatos das vítimas, o motorista negou que tenha cometido estupro. “Ele alega que não praticou estupro, mas que fez brincadeiras com as crianças e que era muito próximo delas. Segundo ele, isso talvez pode ter feito ele ser mal compreendido pelas crianças”, contou Pazolini.

O delegado acredita que mais vítimas irão aparecer. “Pela maneira como ele atuava, pela proximidade com as crianças, nós temos certeza de que há novas vítimas”, disse.

Fonte: Portal do Holanda

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes