Bola de fogo no céu dos EUA levanta dúvidas e associação vê elo com a Rússia; veja vídeos

Uma bola de fogo cruzando o céu dos EUA na madrugada de quarta-feira (20) levantou dúvidas nos espectadores sobre a origem do fenômeno. A lenta passagem do objeto no céu fez algumas das pessoas que o avistaram supor que pudesse se tratar de um óvni.

De acordo com a American Meteor Society, evento foi visualizado às 4h da madrugada no horário local. Os especialistas apontam que a “bola de fogo” não parece ser um fenômeno natural e que, pelos dados de trajetória e localização, parece se tratar da reentrada do Kosmos-2551, um satélite russo que foi lançado em 9 de setembro mas que não conseguiu se manter em órbita. A American Meteor Society coletou mais de 150 relatos sobre vários estados, incluindo Indiana, Ohio e Kentucky.

O astrofísico Jonathan Christopher McDowell, do Harvard-Smithsonian Center for Astrophysics, avaliou a análise feita pela American Meteor Society e confirmou que o evento visto corresponde a reentrada do satélite Kosmos-2551.

“Portanto, concluo que as evidências do Kosmos-2551 são concretas”, escreveu o astrofísico no Twitter.

Além da hipótese de que sejam apenas detritos do Kosmos-2551, outra possibilidade que chegou a ser levantada é que se tratasse de detritos dos propulsores de uma das cápsulas SpaceX Dragon, como a enviada em turismo espacial no mês passado. Pesquisadores afirmam que se fosse um meteoro vindo de fora da órbita da Terra o objeto teria uma velocidade de 4 ou 5 vezes mais rápida.

Fonte: Yahoo!

Scroll Up