Vídeo mostra acidentes em Botucatu, cidade que lidera o ranking estadual de violência no trânsito

Foto: Arquivo Leia Notícias – Acidente registrado na Avenida Dom Lúcio em 2015, Violência na batida e carros destruídos ( Por William Brito)

Botucatu encerrou o ano de 2016 liderando uma triste estatística; é a cidade do estado de São Paulo mais violenta no trânsito.

O município, onde moram quase 135 mil pessoas, é o que tem o maior índice de mortalidade no trânsito no Estado, com uma taxa anual de 41,5 óbitos por 100 mil habitantes. O resultado consta de um levantamento feito pela reportagem no Sistema de Informações Gerenciais de Acidentes de Trânsito de São Paulo (Infosiga) com as mortes registradas nas 75 cidades com mais de 100 mil habitantes desde 2015.

Assista ao vídeo que mostra diversos acidentes registrados em Botucatu

O  secretário municipal de Trânsito, Rodrigo Luiz Gomes Fumis, disse que a topografia urbana, com muitos aclives e declives, e o excesso de veículos contribuem para os acidentes. “Temos 94 mil veículos e as ruas do centro são estreitas, mas estamos investindo em educação.” Ele destaca ainda que as rodovias que cortam a área urbana, como a Marechal Rondon e a “Castelinho” inflam as estatísticas. A gestão informou também que reduziu a velocidade de 60 km/h para 50 km/h em duas das principais avenidas, contratou um radar móvel e está construindo 50 lombadas.

Um vídeo divulgado pela Empresa Peres Sistemas de Segurança mostra que a imprudência é a maior causa de acidentes na cidade.
Três atitudes simples dos motoristas, podem fazer Botucatu sair do topo desse ranking.
– Respeitar os limites de velocidade nas vias;
– Parar nas esquinas com a sinalização “ PARE ”; Na preferencial, ficar  atento  aos cruzamentos.
– Sinalizar corretamente as manobras, ao virar com o veículo e/ou estacionar;

Leia Notícias com informações Estadão Conteúdo

Scroll Up