São Paulo é derrotado pelo Botafogo no Engenhão

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

O São Paulo foi derrotado pelo Botafogo na noite desta segunda-feira, no Engenhão, por 1 a 0, graças ao gol de Matheus Babi. Precisando da vitória para confirmar a vaga direta à fase de grupos da Libertadores, o time comandado por Marcos Vizolli somou mais um resultado frustrante no Campeonato Brasileiro e agora terá de decidir seu futuro na última rodada, contra o Flamengo, no Morumbi, jogo que vale o título nacional para a equipe rubro-negra.

Luciano, que briga pela artilharia do Brasileirão, teve a chance do empate já na reta final do jogo em cobrança de pênalti, mas o atacante, que não é o batedor oficial do São Paulo, acabou desperdiçando a chance de ao menos garantir um pontinho para o Tricolor, batendo no mesmo canto em que o goleiro se esticou para fazer a defesa.

Com 63 pontos, o São Paulo figura a dois do Fluminense e pode ser ultrapassado pelo rival na última rodada caso seja derrotado pelo Flamengo e o Tricolor carioca vença o Fortaleza. Se caírem para a quinta colocação, Daniel Alves e companhia ainda têm chance de garantir vaga na fase de grupos da Libertadores, mas apenas se o Palmeiras for campeão da Copa do Brasil.

O Botafogo, por sua vez, já está rebaixado há algumas rodadas e usa essa reta final da temporada para organizar a casa e começar o planejamento para a Série B.

O São Paulo começou o primeiro tempo tendo certa liberdade para construir suas jogadas no ataque. Aos nove minutos, os visitantes chegaram com perigo pela primeira vez. Luciano tocou para Gabriel Sara, que acionou Reinaldo e viu o lateral-esquerdo experimentar de fora da área, mandando por cima do gol. O Botafogo respondeu logo em seguida com Kayke, que aproveitou a falha de Tchê Tchê e arrematou de longe, mas não pegou bem na bola, facilitando a defesa de Tiago Volpi.

Sem muito apetite para buscar a vitória, o Tricolor estagnou no jogo. O Botafogo, por sua vez, tentava agredir o adversário da forma que podia. Aos 25 minutos, Ênio recebeu lançamento e bateu da entrada da área, no meio do gol, desperdiçando chance promissora para o time alvinegro.

Se a situação já estava ruim para o São Paulo, aos 28 minutos ela ficou ainda pior. Em jogada de contra-ataque, Warley foi lançado pela direita e ia vencendo Reinaldo na corrida até o camisa 6 dar um carrinho e derrubá-lo, acabando com o lance que poderia resultar no gol do Botafogo. O árbitro da partida não deixou passar e acabou expulsando o são-paulino.

Daí em diante, só deu Botafogo. Warley e Ênio tiveram boas oportunidades para, enfim, estufar as redes, mas Tiago Volpi estava ligado para manter sua meta limpa. Até Luiz Otávio tentou do meio da rua na intenção de surpreender o goleiro rival, mas as equipes acabaram indo para o intervalo com o empate sem gols no Engenhão.

Pouca coisa mudou do primeiro para o segundo tempo. Em superioridade numérica, o Botafogo se manteve no ataque e não demorou muito para balançar as redes. Aos 12 minutos, Warley fez o cruzamento pela direita, e Matheus Babi completou de cabeça, sem chances para Tiago Volpi, que nada pôde fazer no arremate à queima-roupa.

Tentando reagir rápido, o São Paulo levou perigo à meta do Botafogo aos 16 minutos. Léo mandou na área, e Gabriel Sara tentou completar de voleio, mas mandou para fora. Já os donos da casa por pouco não ampliaram aos 29 minutos com Warley, que recebeu livre pela direita, cortou para o meio invadindo a área e bateu firme, mas a bola foi fraca, facilitando a vida de Volpi.

Depois de algumas alterações, como Galeano na vaga de Gabriel Sara e Rojas, que não disputava uma partida oficial havia mais de dois anos, no lugar de Igor Gomes, o São Paulo conseguiu um pênalti a seu favor já na reta final do jogo. Galeano foi ao chão dentro da área, e o árbitro marcou pênalti. Luciano, que briga pela artilharia do Brasileirão, mas não é o batedor oficial da equipe, foi para a cobrança e viu o goleiro Diego Loureiro fazer a defesa, garantindo a vitória para os donos da casa.

BOTAFOGO 1 X 0 SÃO PAULO

Local: Engenhão, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 22 de fevereiro de 2021, segunda-feira
Horário: 20h (de Brasília)
Árbitro: Braulio da Silva Machado (Fifa-SC)
Assistentes: Kleber Lucio Gil (Fifa-SC) e Éder Alexandre (SC)
VAR: Rodrigo Dalonso Ferreira (SC)

Gol: Matheus Babi, aos 12 do 2ºT (Botafogo)
Cartão vermelho: Reinaldo (São Paulo)
Cartões amarelos: Igor Gomes, Bruno Alves, Léo, Hernanes (São Paulo); Rafael Navarro, Luiz Otávio, Bruno Nazário (Botafogo)

BOTAFOGO: Diego Loureiro; Kevin, Marcelo Benevenuto, Sousa e Hugo; Luiz Otávio, Kayque (Matheus Babi), Warley (Davi Araújo), Bruno Nazário (Cesinha) e Ênio; Rafael Navarro (Matheus Nascimento)
Técnico: Lucio Flavio.

SÃO PAULO: Tiago Volpi; Juanfran (Igor Vinícius), Arboleda, Bruno Alves (Hernanes) e Reinaldo; Luan, Tchê Tchê, Gabriel Sara (Galeano) e Igor Gomes (Rojas); Toró (Léo) e Luciano.
Técnico: Marcos Vizolli.

Fonte: Yahoo! – Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes