Rony preocupa, e Palmeiras pode ter mais problemas no ataque contra o São Paulo

O que vinha sendo destaque no ataque do Palmeiras pode virar uma dor de cabeça importante para Abel Ferreira. Substituído contra o Fortaleza, Rony é dúvida para o jogo contra o São Paulo, na próxima quinta-feira, às 20h, no Allianz Parque, válido pelo confronto de volta das oitavas de final da Copa do Brasil.

O atacante deixou o gramado do Castelão, no último domingo, após sentir dores na coxa esquerda. Ele vai realizar exames e será reavaliado na reapresentação do elenco, na terça, mas o caso desperta preocupação.

Principal atacante do elenco nesta parte da temporada, Rony vem de uma sequência de quatro gols nos últimos cinco jogos. Ele é o artilheiro da equipe em 2022, empatado com Raphael Veiga com 18 gols.

Caso a ausência seja confirmada, outro problema além da questão técnica terá que ser trabalhado pela comissão técnica: a ausência de um substituto da posição.

Rony, atacante do Palmeiras, contra o Fortaleza — Foto: Cesar Greco / Ag. Palmeiras
Rony, atacante do Palmeiras, contra o Fortaleza (Foto: Cesar Greco / Ag. Palmeiras)

Rafael Navarro sofreu uma lesão muscular contra o Cerro Porteño e está fora do Choque-Rei. As outras opções do setor são José Manuel López e Miguel Merentiel, mas a dupla só pode entrar em campo depois da abertura da janela de transferências, na próxima segunda-feira.

Na final do Paulistão, contra o São Paulo, Abel Ferreira foi obrigado a substituir Rony ainda na primeira etapa do clássico vencido pelos palmeirenses. Naquela oportunidade, Gabriel Veron atuou improvisado como referência do ataque, mas atualmente o atacante se recupera de um corte no pé.

Contra o Fortaleza, o Verdão apostou na entrada de Gabriel Silva, jovem de 20 anos campeão da Copinha no início da temporada e que vem treinando com o elenco profissional.

Uma outra alternativa pode ser a improvisação de outro atacante para desempenhar a função de centroavante: Wesley e Breno Lopes são os outros atacantes do elenco profissional.

Gabriel Silva, do Palmeiras, contra o Fortaleza — Foto: Cesar Greco / Ag. Palmeiras
Gabriel Silva, do Palmeiras, contra o Fortaleza (Foto: Cesar Greco / Ag. Palmeiras)

No sub-20, o principal centroavante é Endrick. Ele, inclusive, foi titular na vitória contra o Ceará, no domingo, pelo Brasileirão da categoria. O atacante, porém, tem 15 anos e não pode ser relacionado para as competições da CBF antes do dia 21 de julho, quando completa 16 anos e terá seu primeiro contrato profissional registrado.

O Palmeiras foi derrotado pelo São Paulo por 1 a 0 no jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil. Para se classificar, o time alviverde precisa vencer por um gol de diferença para levar a decisão às penalidades ou ganhar por dois ou mais gols de diferença para se garantir no tempo normal.

Fonte: G1