Qual é o melhor tipo de poltrona para as costas?

Ergonomia e conforto são palavra de ordem na hora de escolher este objeto tão importante para o home office

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

Trabalhar em casa pode ser bastante cômodo para muitas pessoas. Afinal, não é preciso gastar horas preciosas do dia no trânsito, seja de carro, moto ou transporte público, e ainda é possível exercer a função vestindo roupas mais confortáveis.

Contudo, não há só vantagens. Ao trabalhar em casa, muitas pessoas relatam problemas com a falta de estrutura e ambiente planejado para isso, com cadeiras ergonômicas, iluminação adequada e até internet na velocidade necessária.

Seja para trabalhar, jogar ou apenas sentar e ler, ter uma boa cadeira ou poltrona em casa não é um luxo, mas, sim, uma necessidade, que garante conforto e saúde. Você sabe como escolher este móvel?

Regulagem de altura

A escolha da cadeira ou da poltrona deve levar em consideração o biótipo de quem vai utilizar o móvel. Nessa hora, baixinhos, gordinhos e altos podem encontrar dificuldades bem distintas.

Um dos primeiros fatores que devem ser levados em conta na hora de escolher uma cadeira de escritório é a possibilidade de regular a altura. Isso porque temos diferentes estaturas, e um dos principais pontos da ergonomia consiste em apoiar os dois pés no chão, mantendo os joelhos num ângulo de 90°.

Também é importante que a cadeira ou a poltrona se mantenha numa altura apropriada, frente à mesa ou à bancada de trabalho. Novamente, o ideal é que os braços fiquem devidamente apoiados a um ângulo de 90°, cansando menos a musculatura e prevenindo lesão por esforço repetitivo (LER).

No caso de poltronas estofadas, isso é um pouco mais difícil, mas não significa que seja necessário abrir mão do produto se é algo que você queira muito. Junto da poltrona, adquira banquetas ou suportes para o apoio dos pés.

Encosto ajustável

O apoio das costas também é essencial para a ergonomia e, se for ajustável, melhor ainda. Essa parte da cadeira vai permitir manter a coluna ereta e a distância adequada do assento, para que toda a coxa fique apoiada, e a perna possa formar a angulação necessária.

No caso das cadeiras, o ideal é que o encosto seja alto, apoiando da cintura aos ombros. Quem sofre com dores na coluna cervical, pode optar por cadeiras ou poltronas que tenham apoio para a cabeça, garantindo um descanso extra para o pescoço.

Braços

O apoio para os braços não é meramente estético: ele realmente tem uma função importante na ergonomia, servindo de sustentação para os membros e uma ajuda extra para manter a posição adequada de trabalho.

Alongamento

Algumas poltronas e cadeiras têm sistema de reclinação que ajuda a mudar um pouco a postura, permitindo que o usuário se alongue enquanto lê, trabalha ou estuda. Este tipo de balanço ainda auxilia o relaxamento da musculatura das costas, reduzindo a tensão e o estresse do dia a dia.

Revestimento

Poltronas e cadeiras de couro natural ou sintético são muito mais fáceis de serem limpas no dia a dia. No entanto, quando está muito quente, podem ser desconfortáveis, uma vez que o revestimento “cola” na pele.

Poltronas revestidas com tecido de algodão são boas para os dias mais quentes, mas podem ser um pouco mais difíceis de serem limpas adequadamente. Cadeiras com tela de nylon, por outro lado, são fáceis de higienizar e ainda permitem que a pele respire, minimizando a sensação de calor.

Importância da ergonomia

Garantir uma boa postura é fundamental para manter a saúde da coluna, evitando diversos tipos de dores e até o agravamento de problemas ortopédicos que, sem a devida atenção, podem se tornar crônicos.

A lesão por esforço repetitivo, as alterações nas curvas da coluna e até a enxaqueca pode ser causada por conta do uso de cadeiras e poltronas inadequadas para o trabalho, o estudo ou o lazer.

Quem passa muito tempo na frente das telas precisa ficar atento a detalhes que podem comprometer a saúde, o desempenho e até o tempo de vida produtiva, uma vez que alguns problemas relacionados à coluna podem levar ao afastamento laboral e até à necessidade de uma aposentadoria antecipada.

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes