Protestos na Argentina após promotor considerar estupro coletivo ‘alívio sexual’

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

Mais de uma centena de pessoas saíram em passeata nesta sexta-feira em Puerto Madryn (foto), Argentina, em repúdio ao parecer de um promotor que favoreceu um grupo de homens acusados de estuprar uma adolescente, ao considerar que se tratou de um “abuso simples” por “alívio sexual”.

A princípio, o caso havia sido qualificado como “abuso sexual com acesso carnal agravado” pela participação de seis pessoas. Mas o promotor Fernando Rivarola alterou a figura para poder solicitar um julgamento abreviado, com penas inferiores a três anos. Ele também dispensou três dos envolvidos, que eram menores de idade na época do ocorrido.

A vítima tinha 16 anos em 2012, quando foi violentada pelo grupo em Playa Unión, a cerca de 60 km de Puerto Madryn, cidade portuária e turística onde moram os acusados. No ano passado, incentivada pelo auge da luta feminista na Argentina, a jovem tomou coragem para tornar público o ocorrido e foram iniciados os trâmites judiciais.

“Ela foi drogada, estuprada por cinco, enquanto um cuidava da porta. Depois, começou a receber ameaças e teve que deixar a cidade”, contou à AFP Silvina Ibarra, ativista de 37 anos e organizadora da passeata pelo centro de Puerto Madryn, cidade de 115 mil habitantes a 1.300 km de Buenos Aires. “São pessoas que pertencem a famílias muito poderosas, da elite de Madryn. Aqui, todo mundo se conhece”, assinalou, sobre os acusados.

O repúdio à expressão “alívio sexual” viralizou nas redes sociais e vários funcionários do governo expressaram sua desaprovação. “Não toleramos mais que se dêem as costas para as vítimas”, reagiu o ministro do Interior, Wado de Pedro, ao pedir que a atuação do promotor seja investigada.

Segundo a promotoria, a medida foi acertada com a vítima e sua família. “Não acredito nisso. Ela quer que todos paguem e vão para a cadeia”, afirmou Silvina Ibarra.

O juiz Marcelo Di Biase ainda deve decidir se aceita o pedido de julgamento abreviado.

Fonte: Yahoo!

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes