Presença de Giovanni em amistoso com Benfica anima santistas

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

A festa que acontecerá na Vila Belmiro, neste sábado, terá como protagonistas o próprio estádio, que completa 100 anos no próximo dia 12, e o ex-lateral esquerdo Léo, que entrará em campo e será homenageado no amistoso entre Santos e Benfica, às 16h05 (de Brasília). Porém, a partida também terá uma outra presença ilustre e bem conhecida dos torcedores do Peixe.

Convidado por Léo, o ídolo Giovanni aceitou o convite e também irá participar do embate contra a equipe portuguesa. Aposentado desde 2010, o ‘Messias’, como ficou conhecido pela torcida alvinegra, deve jogar cerca de 10 minutos antes do intervalo, quando também receberá algumas homenagens.

“O Giovanni é um ídolo do clube, um ídolo meu, e não lembro se ele teve uma homenagem por tudo que representa e fez pelo clube. Então, nada mais justo homenagear esse ídolo, e que, de repente, não teve uma homenagem digna”, disse ex-lateral.

Giovanni era o principal destaque da equipe santista que foi vice-campeã brasileira em 1995. A presença do ídolo animou Elano, Renato e Ricardo Oliveira. Apesar de já serem veteranos no elenco atual do Peixe, os três não puderam jogar ao lado de G10, mas admitiram o carinho pelo ex-meia.

“Confesso que vai ser uma realização poder jogar com o Giovanni. Um ídolo que eu vi pela televisão e que também merece. Fico feliz quando os clubes valorizam os seus ídolos. O Léo foi muito feliz e o Santos também pela escolha de convidá-lo”, afirmou Elano.

Em 2010, Giovanni retornou ao Santos e participou das campanhas campeãs do Paulistão e da Copa do Brasil daquele ano. Atualmente, o ex-meia está morando em Santos, onde acompanha seu filho, que está jogando pela categoria sub-11 do Peixe. Mesmo sendo ídolo no clube, G10 também não teve uma despedida ao se aposentar, assim como Léo.

“É muito justo chamar o Giovanni, que também é ídolo do clube. Vai ser muito legal ter ele do nosso lado”, disse o volante Renato.

“Meu sentimento é de alegria, porque vou me alegrar com o Léo e com o Giovanni, que admiro e admirei. Grande história dentro do clube. Posso ver ele se emocionar e eu me emocionar junto. Esperamos que o torcedor torne esse momento inesquecível e que possamos fazer uma grande festa para todos”, concluiu Ricardo Oliveira.

Fonte: Yahoo!

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes