Palmeiras vence o Internacional no Beira-Rio

Nesta quarta-feira, o Palmeiras venceu Internacional por 2 a 1, no Beira-Rio, em jogo válido pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro. O Verdão saiu na frente com Deyverson, porém viu Edenilson deixar tudo igual, de pênalti. Pela infração que resultou no gol de empate, Kuscevic recebeu o cartão vermelho. Aos 44 do segundo tempo, Danilo marcou o gol da vitória dos visitantes.

Mesmo jogando fora, o Palmeiras se impôs no início do primeiro tempo e abriu o placar logo aos nove minutos, em lance de oportunismo de Deyverson. O Inter até ensaiou uma pressão na reta dos 45 minutos iniciais, porém não conseguiu superar Jailson, que foi seguro nas vezes em que foi acionado.

O segundo tempo começou movimentado, com Yuri Alberto e Raphael Veiga desperdiçando grandes chances. Aos 15 minutos, Kuscevic cometeu pênalti em Caio Vidal e foi expulso, por ser ter impedido um lance claro. Edenilson mandou para as redes na cobrança. Já na reta final, o Verdão foi letal em contra-ataque e marcou com Danilo, em uma estranha finalização do volante.

Com a vitória, o Palmeiras foi aos 16 pontos, na terceira colocação do Brasileiro. Na próxima rodada, o time enfrenta o Sport, fora de casa, no domingo, às 16h. Enquanto isso, o Inter estacionou nos nove pontos, na 13ª posição. O próximo compromisso da equipe é contra o Corinthians, na Neo Química Arena, às 21h do sábado.

O Palmeiras começou no ataque e teve uma chance nos primeiros minutos. Breno Lopes roubou a bola dentro da área, mas finalizou mal, à direita do gol. Aos nove minutos, o Verdão conseguiu abrir o placar. Raphael Veiga pegou sobra de fora da área, e Deyverson desviou o chute para as redes, mostrando oportunismo.

Com dificuldade para criar, o Internacional só chegou com perigo aos 24 minutos. Yuri Alberto recebeu a bola dentro da área, ajeitou e finalizou de voleio, parando em Jailson. Depois, foi a vez de Edenilson ter uma chance, pegando sobra na área, cabeceando e exigindo defesa do goleiro do Verdão.

Na volta do intervalo, a primeira chance foi do Colorado. Edenilson enfiou grande bola para Yuri Alberto, que saiu na cara de Jailson e tirou demais do goleiro. Em seguida, Scarpa bateu falta pela direita, e Kuscevic subiu para testar por cima do travessão.

O Verdão teve uma grande oportunidade, nos pés de Raphael Veiga. O meia recebeu passe de Zé Rafael, mas finalizou em cima de Daniel. Aos 14 minutos, Kuscevic empurrou Caio Vidal dentro da área, e o árbitro marcou pênalti após consultar o VAR. Pela infração, o zagueiro chileno recebeu o cartão vermelho. Na cobrança, Edenilson mandou no canto alto esquerdo para marcar.

Com um a menos, o Palmeiras teve grande chance em contra-ataque. Deyverson recebeu passe dentro da área, mas finalizou sem força, em cima de Daniel. Em seguida, Cuesta levantou, e Yuri Alberto testou firme, mas viu Jailson defender e evitar a virada.

Aos 44 minutos, o Palmeiras chegou ao segundo gol. Em novo contra-ataque, Danilo Barbosa foi acionado pela direita e tocou para Danilo, que chegou batendo de primeira. O volante pegou estranho na bola, mas viu ela morrer nas redes. O Verdão se segurou no final e conseguiu sair com os três pontos do Beira-Rio.

INTERNACIONAL 1 X 2 PALMEIRAS

Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)
Data: 30 de junho de 2021, quarta-feira
Hora: 19h00 (de Brasília)
Árbitro:  Paulo Roberto Alves Junior (PR)
Assistentes: Alessandro Alvaro Rocha de Matos (BA) e Victor Hugo Imazu dos Santos (PR)
VAR: Gilberto Rodrigues Castro Junior (PE)
Cartões amarelos: Caio Vidal, Rodrigo Dourado, Cuesta (Internacional); Abel Ferreira (Palmeiras)
Cartão vermelho: Kuscevic (Palmeiras)

GOLS:
Internacional: Edenilson (19 minutos do 2º tempo)
Palmeiras: Deyverson (nove minutos do 1º tempo) e Danilo (44 minutos do 2º tempo)

INTERNACIONAL: Daniel; Saravia (Vinícius Mello), Pedro Henrique, Víctor Cuesta e Heitor; Rodrigo Dourado (Boschilia), Johnny, Edenilson, Patrick; Caio Vidal e Yuri Alberto
Técnico: Diego Aguirre

PALMEIRAS: Jailson; Marcos Rocha (Gabriel Menino), Luan, Kuscevic, Renan; Danilo, Zé Rafael (Felipe Melo), Raphael Veiga (Patrick de Paula), Gustavo Scarpa (Danilo Barbosa); Breno Lopes (Victor Luis) e Deyverson
Técnico: Abel Ferreira

Fonte: Yahoo! – Foto: Cesar Greco/Agência Palmeiras

Scroll Up