Motorista cochilou antes de capotar ambulância em rodovia de Marília, diz Corpo de Bombeiros

O motorista da ambulância que capotou na Rodovia Transbrasiliana, em Marília (SP), disse aos bombeiros que cochilou ao volante. Duas pessoas ficaram feridas no acidente, que aconteceu na manhã desta sexta-feira (9).

Entre os feridos está um paciente, que era transportado pela ambulância, e sua esposa. Eles foram socorridos e encaminhados para o Hospital das Clínicas (HC) de Marília.

Em nota, o HC informou que o passageiro da ambulância Osvaldo Cardoso Ramos, de 64 anos, realiza tratamento na Oncoclínica do hospital e após o acidente passou por exames de imagem e laboratoriais. Ele sofreu traumatismo cranioencefálico leve e escoriações, mas deverá passar por novos exames.

Ainda de acordo com o HC, ele está consciente e seu estado de saúde é considerado estável. Os atendimentos são prestados pelas equipes multidisciplinares, envolvendo principalmente a Ortopedia e Neurologia. A acompanhante na ambulância era sua esposa Luíza Helena Barbosa Ramos, que sofreu escoriações leves.

O veículo pertence à prefeitura de Flórida Paulista, na região de Presidente Prudente, e levava o paciente para realizar um procedimento no HC. A prefeitura da cidade informou, em nota, que irá enviar uma nova ambulância para buscar as vítimas assim que receberem alta.

O motorista não ficou ferido. Parte da pista no sentido Bauru-Marília precisou ser interditado e o trânsito segue um pouco mais lento.

Pneus da ambulância estavam carecas (Fotos: Reprodução/TV TEM)

Fonte: G1

Scroll Up