Lutador de MMA de Jaú é ‘blindado’ pela família e só sabe da morte do pai após ganhar título mundial nos EUA

O lutador de MMA Bruno Cappelozza, de Jaú (SP), viveu nesta semana seus maiores extremos em termos de emoção. No mesmo dia em que conquistou na Flórida (EUA) o torneio dos pesos-pesados pela Professional Fighters League (PFL), uma das maiores organização de MMA do mundo, o atleta de 32 anos ficou sabendo que o pai, seu grande incentivador, havia morrido a milhares de quilômetros, no Brasil.

O detalhe é que a morte do pai aconteceu três dias antes da grande luta e foi “escondida” de Bruno por decisão da família.

Na quarta-feira (27), o jauense superou o croata Ante Delija, 31 anos e ganhou, além do cinturão dos pesos-pesados, um prêmio US$ 1 milhão (cerca de R$ 5,5 milhões no câmbio atual).

A morte de João Cappelozza, porém, aconteceu no domingo (24). A família se reuniu e optou por não revelar o fato para que o atleta permanecesse concentrado para aquela que seria a luta mais importante de sua carreira.

Lutador de MMA de Jaú Bruno Cappelozza é ‘blindado’ por família e só sabe da morte do pai após ganhar título mundial nos EUA — Foto: Reprodução/Twitter/PFLMMA
Lutador de MMA de Jaú Bruno Cappelozza é ‘blindado’ por família e só sabe da morte do pai após ganhar título mundial nos EUA (Foto: Reprodução/Twitter/PFLMMA)

No dia do combate, Bruno e Ante Delija protagonizaram uma luta emocionante de 25 minutos. Depois de cinco rounds, o lutador jaunese foi declarado vencedor em uma decisão unânime de juízes.

Em suas redes sociais, Bruno disse que viveu o “dia mais feliz e triste” de sua vida e homenageou o pai, a quem dedicou o cinturão de campeão mundial.

“Dia mais feliz e triste da minha vida, não sabia que tinha perdido meu maior amor e amigo da minha vida, obrigado por tudo, coisas que só Deus pode explicar, te amo além da vida, obrigado por me ensinar a ser esse ser humano que sou hoje, esse cinturão é seu meu veinho”, disse Bruno em seu perfil.

Lutador de MMA de Jaú Bruno Cappelozza é 'blindado' pela família e só sabe da morte do pai após ganhar título mundial nos EUA — Foto: Reprodução/Instagram
Lutador de MMA de Jaú Bruno Cappelozza é ‘blindado’ pela família e só sabe da morte do pai após ganhar título mundial nos EUA (Foto: Reprodução/Instagram)

Bruno Cappelozza chegou nesta sexta-feira (29) a Jaú, onde participaria de uma homenagem na prefeitura, com desfile em carro aberto pelas ruas da cidade. O próprio atleta, porém, pediu para cancelar a recepção porque ainda vive o luto pela morte do pai.

O corpo de João Cappelozza foi preservado em uma funerária da cidade e seu velório foi realizado no Ginásio de Esportes Dr. Flávio de Mello, neste sábado (30). O sepultamento estava marcado para o período da tarde, no Cemitério Municipal de Jaú.

Fonte: G1

Scroll Up