Justiça manda prender motorista que atingiu moto do marido que levava outra mulher na garupa, no interior de SP

A Justiça decretou a prisão preventiva da motorista que atingiu uma moto onde estava o marido e uma outra mulher, que morreu no acidente no dia 5 de junho. Segundo a Polícia Civil, que encaminhou o pedido de prisão para à Justiça após a conclusão do inquérito, a motorista, Maria Cristina Correia de Souza, de 43 anos, teve a intenção de provocar a colisão.

Ela foi presa na sexta-feira (11) e encaminhada para a cadeia de Pirajuí. Maria Cristina é investigada pelos crimes de homicídio e tentativa de homicídio dolosos na direção de veículo automotor. Ela já havia sido presa no dia dia do acidente, porém foi liberada após audiência de custódia.

No acidente, a moto foi prensada pelo carro contra o muro de uma casa na Rua Antônio Machado, no Parque das Acácias. A auxiliar de limpeza Eunice Aparecida Damásio, de 45 anos, que estava na garupa, chegou a ser socorrida pelos bombeiros, mas morreu no hospital.

Eunice estava na garupa da moto que foi atingida pelo carro em Paraguaçu Paulista  — Foto: Facebook/ Reprodução
Eunice estava na garupa da moto que foi atingida pelo carro em Paraguaçu Paulista (Foto: Facebook/ Reprodução)

Já o marido de Maria Cristina, que pilotava a moto, o mecânico Luiz Antônio da Silva, de 41 anos, foi socorrido com ferimentos e recebeu na semana passada. Ele foi ouvido pela polícia na última quarta-feira (9).

Acidente intencional

Após o acidente, a motorista alegou que não atingiu a moto de forma proposital. A polícia, porém, sustenta que as evidências mostraram o contrário. Segundo as investigações, a moto foi atingida e arrastada por cerca de 30 metros, sendo por fim prensada no muro.

Ainda segundo as apurações da polícia, Maria Cristina Correia de Souza disse que desconfiava que o marido tivesse outro relacionamento.

A suspeita disse que foi até a casa da vítima, que era inquilina do imóvel pertencente a ela e ao marido, para cobrar o aluguel. Neste momento, viu o marido na moto com a mulher. Em seguida, pegou o carro e foi atrás dos dois, mas que no local do acidente não conseguiu desviar da moto.

A perícia técnica esteve no local após o acidente. Os celulares da motorista e da mulher que morreu foram apreendidos. A suspeita também passou pelo teste do bafômetro e o resultado deu negativo.

Fonte: Tv Tem

Scroll Up