John McAfee, criador do antívirus McAffee, é encontrado morto em prisão de Barcelona

John McAfee, criador do antivírus com seu sobrenome, foi encontrado morto nesta quarta-feira (23) em uma cela em Barcelona, na Espanha, onde estava preso. Ele tinha 75 anos.

Os primeiros a anunciarem a morte foram os jornais espanhóis. Em seguida, o Departamento de Justiça da Catalunha confirmou a informação, de acordo com a agência Reuters.

O empresário se envolveu em diversas polêmicas em seus últimos anos de vida, e foi preso preventivamente por autoridades espanholas.

Famoso por inventar o sistema de proteção de computadores, McAfee vinha se dedicando ao comércio de criptomoedas nos últimos tempos. Ele foi preso em outubro no aeroporto de Barcelona e colocado em prisão preventiva enquanto aguarda a resolução do pedido de extradição.

Foto de 2016 mostra John McAfee falando durante uma conferência em Pequim — Foto: Fred Dufour/AFP
Foto de 2016 mostra John McAfee falando durante uma conferência em Pequim (Fotos: Reprodução)

McAfee foi acusado de evasão fiscal

A Justiça espanhola havia autorizado a extradição para os Estados Unidos de John McAfee por uma suposta infração fiscal, segundo a agência France Presse.

As autoridades norte-americanas solicitaram a extradição alegando que McAfee, de 75 anos, ganhou mais de dez milhões de dólares entre 2014 e 2018 graças à atividade com criptomoedas, serviços de consultoria, conferências e venda de direitos para fazer um documentário sobre sua vida.

No entanto, “ele não apresentou declarações fiscais em nenhum desses anos e não pagou nenhuma de suas obrigações fiscais”, de acordo com a ordem do Tribunal Nacional, um tribunal superior com sede em Madri.

Fonte: Yahoo!

Scroll Up