Governo de SP multa prefeita de Bauru por não usar máscara em ato na Paulista

A Vigilância Sanitária de São Paulo multou nesta terça-feira (7) a prefeita de Bauru (SP), Suéllen Rosim (Patriota), por não usar máscara contra a Covid-19 durante manifestação realizada na Avenida Paulista, na capital. A informação foi divulgada pela assessoria de imprensa do governo estadual.

A prefeita publicou fotos nas redes sociais e cantou para público presente na manifestação em um trio elétrico. Ela afirmou à TV TEM que não irá se manifestar até que seja notificada oficialmente.

Prefeita de Bauru, Suéllen Rosim, é multada por governo estadual por falta do uso de máscara — Foto: Reprodução/Instagram
Prefeita de Bauru, Suéllen Rosim, é multada por governo estadual por falta do uso de máscara (Foto: Reprodução/Instagram)

Os agentes da Vigilância Sanitária Estadual também autuaram o presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido) e outras 12 autoridades e personalidades, entre deputados, secretários, lideranças religiosas, artistas e empresários.

As autuações em legislação estadual e Lei Federal nº 14.019 de 2020, que obriga o uso de máscaras, e o sujeita às penalidades previstas na Lei nº 6.437 de 1977, que prevê multa de até R$ 1,5 milhão para infrações sanitárias gravíssimas.

Prefeita de Bauru, Suéllen Rosim, é multada pelo governo de SP pelo não uso de máscara contra Covid (Foto: Reprodução/Instagram)

Veja as autoridades que foram autuadas durante as manifestações:

  • André Porciuncula – Subsecretário de Fomento e Incentivo à Cultura;
  • Carla Zambelli – Deputada Federal (SP)
  • Danilo Balas – Deputado Estadual (SP)
  • General Girão Monteiro – Deputado Federal (RN)
  • Luciano Hang – Empresário
  • Marcio Labre – Deputado Federal (RJ)
  • Marco Feliciano – Deputado Federal (SP)
  • Magno Malta
  • Mário Frias – Secretário Especial de Cultura
  • Netinho – Cantor
  • Silas Malafaia
  • Suellen Rossin – Prefeita de Bauru (SP)
  • Tarcísio Gomes de Freitas – Ministro da Infraestrutura

O auto de infração será encaminhado para todos via Correios e descreve as normas previstas na legislação.

Fonte: G1

Scroll Up