Gabriel Jesus recusa protagonismo de Neymar e torce para não apanhar

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

O atacante Gabriel Jesus se divertiu com uma série de perguntas sobre a possibilidade de a Venezuela apelar à truculência diante da Seleção Brasileira na terça-feira, em Mérida, pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo. Na ausência de Neymar, que cumprirá suspensão, o jogador do Palmeiras sabe que estará ainda mais em evidência diante dos marcadores adversários.

“Tomara que ninguém apanhe. Porque é duro apanhar, viu?”, gargalhou Jesus, na noite deste sábado. Ainda que apanhe, o atacante não acha que precisará se queixar tanto quanto costuma fazer o seu companheiro. “Com o que o Neymar apanha, não tem nem comparação, né?”, disse, ainda rindo.

Gabriel Jesus só não quer para si o protagonismo que Neymar tem na Seleção Brasileira. Ao tocar no assunto, o palmeirense vendido ao inglês Manchester City incorporou o discurso do técnico Tite e valoriza a coletividade da equipe que subiu para a vice-liderança das Eliminatórias.

“Todos sabemos da qualidade do Neymar, mas a Seleção é muito coletiva hoje. Quando o coletivo aparece, o individual também acaba parecendo. Por isso, a preferência é sempre pelo coletivo. Temos que jogar pelo Brasil, sem querer aparecer. Então, ninguém é protagonista aqui. Estamos brigando pelas mesmas coisas”, bradou.

A Venezuela também está brigando para chegar à Copa do Mundo. Gabriel Jesus espera que a luta do oponente não seja literal. “Estamos preparados para todo tipo de enfrentamento. Será um jogo em que deveremos saber sofrer, o que é normal. É lógico que a Seleção Brasileira sempre tem que mostrar um futebol bonito, mas o esporte mudou. A comissão técnica ainda vai nos passar todas as informações da Venezuela. Aí, vamos nos preparar o mais rapidamente possível”, comentou.

Em caso de jogo duro, o atacante conta com a experiência de já ter disputado a Copa Libertadores da América para se sobressair. “Isso me ajuda um pouco. Tive a infelicidade de ser expulso na Argentina (contra o Rosario Central) e estou bem mais sossegado agora. Aprendi com o meu erro e fico mais tranquilo, na minha, quando disputo jogos assim”, garantiu Gabriel Jesus, reconhecendo que acha difícil conter a irritação quando está perdendo.

Fonte: Yahoo!

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes