Flamengo vence o Grêmio na Arena e assume vice-liderança do Brasileirão

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

Em partida atrasada da 23ª rodada e com uma grande atuação no segundo tempo, o Flamengo venceu o Grêmio nesta quinta-feira (28), na Arena do Grêmio, por 4 a 2, chegou a 58 pontos, e agora é o vice-líder do Campeonato Brasileiro. O Tricolor permanece com 51 pontos, na 6ª posição.

Quem levou perigo primeiro foi o Grêmio, aos 9 minutos. Lançamento longo para Alisson, que invadiu a área e chutou para Hugo fazer a defesa. O Flamengo respondeu dois minutos depois, com Gabigol finalizando após passe de Arrascaeta. Vanderlei impediu o gol Rubro-Negro.

A equipe carioca quase abriu o placar aos 17 minutos. Cobrança de escanteio pela esquerda de Arrascaeta que Gustavo Henrique arrematou de primeira. Matheus Henrique salvou em cima da linha, de cabeça. No rebote, Bruno Henrique mandou por cima do gol.

O Flamengo passou a dominar e a perder gols em sequência. Na primeira chance, Gabigol tentou encobrir Vanderlei, mas o goleiro tricolor defendeu. Depois foi a vez de Gerson testar o camisa 27 gremista, que pegou chute cruzado do Rubro-Negro. A terceira grande oportunidade foi novamente de Gabigol, que entrou livre na grande área e chutou cruzado, para fora.

O Grêmio então resolveu atacar, e marcou. Troca de passes do Tricolor até a bola chegar a Alisson. Ele cruzou na área e Diego Souza apareceu entre a zaga Rubro-Negra para, de peixinho, abrir o placar, aos 39 minutos.

O Flamengo voltou melhor no segundo tempo e deixou o Grêmio acuado em seu campo de defesa. Aos 11 minutos, Arrascaeta encontrou Gabigol pela esquerda, que entrou na área e tocou para Everton Ribeiro. O camisa 7 apareceu na segunda trave e, de primeira, empatou.

Aos 14 minutos, o Rubro-Negro virou, e com um golaço de Gabigol. O camisa 9 recebeu na entrada da área, viu Vanderlei adiantado e deu um tapa na bola, acertando o ângulo direito do goleiro para fazer 2 a 1. O Grêmio sentiu a virada e se perdeu em campo.

O Flamengo passou a atacar o Tricolor. Aos 16 minutos, o time gaúcho errou a saída de bola, Arrascaeta recuperou e finalizou por cima do gol. Dois minutos depois, Bruno Henrique avançou pela direita e passou para Everton Ribeiro. Ele escorou para o gol, mas a bola desviou em Rodrigues e foi pela linha de fundo.

O Grêmio não suportou. Depois de troca de passes entre Bruno Henrique e Gabigol, Arrascaeta recebeu livre, na marca do pênalti, e apenas bateu para o gol vazio para marcar o terceiro, aos 20 minutos.

Quando parecia que a partida estava definida, o Grêmio diminuiu aos 39 minutos. Diego Souza cobrou falta com força no ângulo esquerdo de Hugo Souza, que nem se mexeu. Contudo, a reação do Imortal Tricolor terminou por aí. O Flamengo liquidou a partida aos 47 minutos, com Isla. O chileno recebeu passe de Vitinho na pequena área e deslocou Vanderlei para fechar o placar.

Na próxima rodada, o Grêmio enfrenta o Coritiba, domingo (31), às 16h, no Couto Pereira. Já o Flamengo visita o Sport, segunda-feira (01/02), às 20h, na Ilha do Retiro.

GRÊMIO 2 X 4 FLAMENGO

Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)
Data: Quinta-Feira, 28/01/2021
Horário: 20 horas (Brasília)
Árbitro: Rodolpho Toski Marques (Fifa-PR)
Assistentes: Bruno Boschilia (Fifa-PR) e Victor Hugo Imazu dos Santos (PR)
VAR: Adriano Milczvski (PR)
Cartões amarelos: Diego Souza, Kannemann, Matheus Henrique, Pinares e Diogo Barbosa (Grêmio); Gustavo Henrique, Vitinho e Bruno Henrique (Flamengo)

GOLS
GRÊMIO: Diego Souza, aos 39min do primeiro tempo e 39min do segundo tempo
FLAMENGO: Éverton Ribeiro, aos 12min do segundo tempo; Gabigol, aos 14min do segundo tempo; Arrascaeta, aos 20min do segundo tempo; Isla, aos 47min do segundo tempo

GRÊMIO: Vanderlei, Victor Ferraz, Rodrigues, Kannemann e Diogo Barbosa; Lucas Silva (Maicon), Matheus Henrique e Jean Pyerre (Pinares); Alisson (Luiz Fernando), Diego Souza (Isaque) e Ferreira (Everton)
Técnico: Renato Portaluppi

FLAMENGO: Hugo Souza, Isla, Willian Arão, Gustavo Henrique e Filipe Luís; Gérson, Diego (Gomes), Arrascaeta (Pepê) e Everton Ribeiro (Vitinho), Gabigol (Pedro) e Bruno Henrique
Técnico: Rogério Ceni

Fonte: Agência Brasil – Foto: Alexandre Vidal/Flamengo

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes