Fifa estuda a exclusão de Marco Polo Del Nero da entidade

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

Conforme noticiou o Estadão nesta segunda-feira, o presidente da CBF, Marco Polo Del Nero, corre o risco de ser excluído da Fifa, entidade máxima do futebol. Membro do Comitê Executivo da organização, Del Nero tem se ausentado das reuniões da entidade com frequência, e sem cumprir as funções designadas para o cargo que ocupa, tem irritado demais dirigentes que cogitam abrir um processo no Comitê de Ética contra o brasileiro.

Depois de a polícia suíça ter levado José Maria Marin e mais seis gestores de futebol para a cadeira em maio deste ano, Del Nero não compareceu mais em nenhum dos eventos da Fifa. A partir desta segunda-feira, serão realizadas ao longo da semana uma série de reuniões com intuito de discutir reformas na entidade, entretanto, o presidente de CBF novamente irá se ausentar, o que resulta na sua quarta falta consecutiva a um encontro do Comitê Executivo.

Mesmo sem regras pré-definidas que justifiquem expulsar uma pessoa do Comitê, um grupo de dirigentes da Fifa, que se mantém anônimo, acreditam que Del Nero não cumpre com suas obrigações de membro da entidade ao se ausentar durante quatro meses de compromissos em que deveria comparecer.

Na mira de investigações do FBI, Del Nero teme a possibilidade de ser detido ao menos para questionamentos caso deixe o país. Até mesmo em jogos da Seleção Brasileira no exterior, o mandatário tem se ausentado, como nas partidas que o Brasil realizou nos Estados Unidos semanas atrás, diante da seleção dona da casa e da Costa Rica.

Fonte: Yahoo!

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes