Diniz pode mudar time do Santos contra o Atlético-MG

O técnico Fernando Diniz pode ser forçado a mudar o meio-campo do Santos contra o Atlético-MG, neste domingo, às 20h30 (de Brasília), na Vila Belmiro, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro.

Além de ter Alison como dúvida – o capitão sentiu dores no joelho esquerdo no empate por 2 a 2 com o Grêmio, na última quinta-feira –, o Peixe não terá Camacho, substituto imediato do titular.

O volante recém-contratado recebeu dois cartões amarelos no Brasileirão quando ainda defendia o Corinthians e o terceiro em Porto Alegre. Dessa forma, terá de cumprir suspensão diante do Galo.

Se não puder contar com Alison, a opção natural de Fernando Diniz é Vinicius Balieiro. Ele, porém, sequer foi relacionado para o jogo contra o Grêmio.

Outra alternativa da posição é recuar Jean Mota para primeiro volante e escalar Carlos Sánchez ao lado de Gabriel Pirani no meio. Ivonei, que quase não é utilizado pelo treinador, e Zanocelo correm por fora na briga pela posição.

A ausência de Alison e Camacho podem forçar Diniz até a mudar de esquema e escalar três zagueiros no Santos. Danilo Boza seria o favorito a ganhar a vaga nesse cenário.

Um possível time, portanto, tem: João Paulo (John); Pará, Luiz Felipe, Luan Peres e Felipe Jonatan; Vinicius Balieiro (Carlos Sánchez, Alison ou Danilo Boza), Jean Mota e Gabriel Pirani (Carlos Sánchez); Marinho, Kaio Jorge e Marcos Guilherme.

O técnico terá apenas um treino, no sábado, para definir o time que levará a campo contra o Atlético-MG. Nesta sexta, reservas trabalharam no CT do Internacional antes do retorno para a Baixada Santista.

O Santos ocupa a 10ª colocação do Brasileirão, com oito pontos. O time de Diniz tem duas vitórias, dois empates e duas derrotas no campeonato.

Fonte: G1 – Foto: Ivan Storti/Santos FC

Scroll Up