26 fevereiro, 2024

Últimas:

Corinthians vence o Botafogo-SP na Neo Química Arena

Anúncios

O Corinthians dominou as ações na noite deste domingo e venceu o Botafogo-SP por 2 a 0, na Neo Química Arena, em jogo válido pela sexta rodada do Campeonato Paulista. A equipe, que não pôde contar com Yuri Alberto, com dores no tornozelo, marcou com Róger Guedes e Adson.

Com o resultado, o Timão segue na liderança do grupo C com 13 pontos, agora quatro à frente do segundo colocado, o São Bento. Do outro lado, o Pantera não conseguiu recuperar a primeira posição do grupo A e permaneceu com oito pontos, na segunda colocação.

Anúncios

O Corinthians volta a entrar em campo na quinta-feira, diante do São Bernardo, às 21h30 (de Brasília), no Estádio Primeiro de Maio. Já o Botafogo de Ribeirão Preto receberá o Ituano um dia antes, no Estádio Santa Cruz, às 20h30 (de Brasília), pela sétima rodada.

Com total posse de bola, o Corinthians foi para cima do Pantera nos primeiros minutos de jogo. Após inversão de Renato para Fagner, a defesa cortou e, no escanteio, o lateral cobrou direto na cabeça de Adson, para grande defesa de Matheus – após chegada de Róger, ele precisou de atendimento médico.

Anúncios

Pouco depois, em boa saída de bola do Timão desde a defesa, Guedes recebeu de Fábio Santos, mas, na hora de cruzar para o meio, acabou cortado.

O jogo seguiu movimentado, com maior posse de bola para os donos da casa, que, em quase todos os momentos, estiveram inteiros no campo de ataque, na tentativa de encontrar espaços para avançar ao gol.

Mesmo sem dominância, o Botafogo chegou em algumas oportunidades, as duas mais perigosas em sequência, com defesas de Cássio, o primeiro em chute de longe de Jean e, depois, na cobrança de escanteio fechada.

Pouco depois, em erro de passe de Giuliano, contra-ataque promissor do Pantera, mas Robinho chutou nas mãos de Cássio. Sem sentir o baque do melhor momento do adversário, Renato e Guedes fizeram uma bela tabela pelo lado esquerdo e, aos 30, o camisa 10 recebeu e chutou com categoria para abrir o marcador.

Pouco tempo depois, aos 36, Adson roubou a bola na entrada da área e mandou um forte e belo chute, explodindo as redes – e a torcida – na Neo Química Arena.

O Pantera tentou diminuir a diferença em chute de Thássio, que passou perto da trave de Cássio, mas foi dos pés de Giuliano, nos acréscimos, outra boa chance do Corinthians e que obrigou uma bela defesa de Matheus Albino.

Sem alterações para a equipe que ia vencendo, o técnico Paulo Baier trocou sua dupla de zaga, promovendo as entradas de Madruga e Gustavo Henrique. De início, a postura parecia diferente, mais ofensiva e buscando o marcador, mas logo os erros de passe começaram a aparecer.

Do outro lado, o Corinthians chegou pela primeira vez na etapa complementar aos dez minutos, em jogada que envolveu Róger Guedes e Giuliano, mas a bola acabou desviada. A resposta veio com Salatiel, mas o jogador acabou desperdiçando a chance.

Já aos 21 minutos, em lance pela direita, Júnior Moraes (que entrou no lugar de Adson) trocou passe com Fagner e, já dentro da área, após bate e rebate, Renato Augusto chutou e o defensor tirou na linha.

A partida seguiu sem grandes emoções, com tentativas do Pantera, mas sem sucesso. Fernando Lázaro, então, promoveu outras entradas, de Fausto e Paulinho primeiro e, pouco depois, Rafael Ramos e Matheus Araújo, mas nada mais aconteceu, a não ser um chute de Xuxa que levou perigo.

CORINTHIANS 2 X 0 BOTAFOGO-SP

Local: Neo Química Arena, em São Paulo (SP)
Data: 05 de fevereiro de 2023, domingo
Horário: às 18h30 (de Brasília)
Árbitra: Edina Alves Batista
Assistentes: Neuza Inês Back e Vladimir Nunes da Silva
VAR: Márcio Henrique de Góis
Cartões amarelos: Guilherme Mantuan (Botafogo-SP); Fagner (Corinthians)
GOLS: Corinthians: Róger Guedes, aos 30 minutos do 1ºT; Adson, aos 36 do 1ºT;
Público pagante: 41.595 pessoas / Público total: 41.804 pessoas
Renda: R$ 2.563.307,50

CORINTHIANS: Cássio; Fagner (Rafael Ramos), Gil, Bruno Méndez e Fábio Santos; Roni, Giuliano (Fausto), Renato Augusto (Paulinho) e Adson (Júnior Moraes); Róger Guedes e Romero (Matheus Araújo). Técnico: Fernando Lázaro.

BOTAFOGO-SP: Matheus; Thassio, Lucas Dias (Madruga), Marcel (Gustavo Henrique) e Jean Victor; Diogo Silva, Guilherme Mantuan, Filippe Soutto (Marcos Júnior); Osman (Gustavo Xuxa), Robinho (Edson Carioca) e Salatiel. Técnico: Paulo Baier.

Fonte: Yahoo!Foto: Rodrigo Coca/Agência Corinthians

Últimas

Botucatu: Idoso embriagado é indiciado por lesão corporal e falta de CNH após acidente

26/02/2024

Anúncios Na noite da última sexta-feira, 23 de fevereiro, a Polícia Civil de Botucatu indiciou um...

Categorias