Casos de Covid-19 fecham salas de berçário em duas escolas infantis de Bauru

Duas escolas infantis que são usadas como polo para o serviço de creche durante as férias escolares em Bauru (SP) precisaram fechar nesta quinta-feira (6) suas salas de berçário por conta de casos de Covid-19. Casos são em funcionárias e não há registro de criança com a doença.

Segundo a prefeitura, as Escolas Municipais de Educação Infantil Integral (Emeiis) Garibaldo, no Jardim Santana, e Giselle Marie Savi Seixas Pinto, na Vila Celina, estão com uma sala de berçário fechada em cada unidade.

Na Emeii Garibaldo foi confirmado um caso de Covid – e outros quatro suspeitos de funcionárias que esperam resultados. Já na Emeii Giselle Savi são dois casos positivos e dois esperando resultados. Todos os casos são de servidoras do berçário.

Emeii Giselle Savi, na Vila Celina, tem dois casos confirmados de Covid entre funcionários (Foto: Prefeitura de Bauru/Divulgação)

Essas unidades são utilizadas como polos durante as férias escolares para auxiliar pais que precisam trabalhar e não podem ficar com as crianças.

São 13 crianças na Emeii Garibaldo e 10 na Emeii Giselle Savi, na faixa etária de 4 meses a 1 ano e 7 meses, que deixaram de frequentar os locais

A prefeitura informa ainda que as outras salas destas duas unidades dedicadas a crianças de uma faixa etária superior, de 2 a 5 anos, continuam funcionando normalmente. Ainda não há previsão para o retorno dessas crianças aos berçários.

Fonte: G1