Botucatu: Mulheres protestam por justiça, respeito e fim da cultura do estupro

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

Um grupo de mulheres promoveu na tarde deste domingo, 8 de novembro, manifestação em Botucatu contra a violência de gênero e repudiando o tratamento pelo qual a influenciadora digital Mariana Ferrer recebeu durante julgamento de acusações de estupro.

O ato ocorreu no Largo da Catedral e reuniu mais de 50 pessoas. Grupo se autodeclarou apartidário e debateu sobre a situação da violência contra a mulher.

As participantes promoveram bloqueios informativos para mostrar dados sobre a violência de gênero.

Segundo dados da Guarda Civil Municipal de Botucatu, mais de 140 mulheres estão com pedidos de medidas protetivas.

O caso Mariana Ferrer chamou a atenção pelo tratamento pela qual a vítima de estupro passou durante julgamento, formado exclusivamente por homens.

Por Flávio Fogueral

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes