Botucatu: Isolamento Social cai para 45% na quinta-feira (14) e iguala pior taxa registrada na Cidade

A taxa de isolamento social em Botucatu segue preocupante. De acordo com Sistema de Monitoramento Inteligente (SIMI-SP), do Governo de São Paulo, a taxa de isolamento em Botucatu foi de 45% nesta quinta-feira, 14, igual o pior índice registrado na quarentena na Cidade. Essa taxa havia sido atingida uma única vez, no dia 8 de maio.

Além de ser a pior taxa registrada em Botucatu durante a quarentena, a média desta quinta-feira, 14, ficou 3% abaixo da média de todo o Estado de São Paulo.

O Secretário de Saúde de Botucatu, Dr. André Spadaro, considera a taxa de 50% como “administrável”, porém, nos últimos 10 dias, esse número foi atingido somente duas vezes, no último final de semana (50% no sábado, 09, e 53% no domingo, 10).

O percentual de 45% é bem abaixo do apontado como ideal pela Organização Mundial da Saúde (OMS), que aponta a taxa de 70% como o ideal para coibir a proliferação da Covid-19, doença respiratória causada pelo novo coronavírus.

Estes indicadores são medidos pelo governo paulista em 104 cidades com população acima de 70 mil habitantes, por meio da análise de mobilidade dos telefones celulares. As informações são aglutinadas e anonimizadas sem desrespeitar a privacidade de cada usuário. Os dados de georreferenciamento servem para aprimorar as medidas de isolamento social para enfrentamento ao coronavírus.

Botucatu está com 131 casos confirmados da doença, entre internados nos hospitais, em isolamento domiciliar, 6 óbitos e 31 altas hospitalares, de paciente curados da Covid-19.

Leia Notícias