Botucatu: Com mais de 100 animais, Liga do Bem pede ajuda para continuar na causa animal

A Liga do Bem, entidade da causa animal que atua em Botucatu, divulgou um comunicado oficial  sobre a crítica situação que a organização enfrenta este ano. De acordo com Erika Liao, a baixa adesão de doadores inviabiliza a manutenção da entidade.

“Temos uma média de 140 mil habitantes em Botucatu. Tínhamos até novembro uma média de 200 membros atuantes no grupo (menos de 0,15% da população). E agora não temos nem 100 membros”, afirmou Erika.

Ainda de acordo com ela, seria necessário 500 membros atuantes para suprir todas as despesas. “No mês de fevereiro não pudemos pagar todas as nossas contas e em março será mais difícil ainda. Atendemos pessoas necessitadas, nunca negamos ajuda a um animal que necessita, mas agora, não poderemos mais. Ninguém tem noção do tamanho dos gastos, da proporção de custos que uma ONG tem”, lamenta a protetora.

No momento a Liga do Bem atende 17 cães e 96 gatos. “Pra nossa sorte ganhamos ração agora em fevereiro, ou nem isso teríamos condição de manter. Gastamos 40kg de areia de gato por semana (só de areia uma média de R$140,00 por semana). Material de limpeza, vermifugo, vacina, remédios, água, luz. Entendo porque outras ONGs também estão desistindo. Não vamos recolher, abrigar, cuidar e ainda pagar por isso, toda estrutura já existente saiu do bolso dos diretores da ONG, muito dinheiro envolvido, sem nenhuma ajuda”, completou Erika.

Quer ajudar a causa animal? O valor mensal mínimo para doação é de R$ 20. 

Scroll Up