Botucatu: Autônomos e Prestadores de Serviços também poderão retomar suas atividades, com restrições, nesta sexta-feira

Além da reabertura das lojas consideradas não essenciais em Botucatu, a partir desta sexta-feira, 1º de maio, após Decreto do Prefeito Mário Pardini, com restrições, os autônomos e prestadores de serviços também irão retomar suas atividades.

Botucatu concentra 3.423 profissionais autônomos e prestadores de serviços. A retomada das atividades destes profissionais também começa nesta sexta-feira, 1º de maio, mediante condições também estabelecidas pelo Decreto 11.975, editado pelo prefeito Mário Pardini, em 22 de abril. 

Serviços como cabeleireiros, barbeiros e similares poderão retomar as atividades, desde que respeitados os seguintes cuidados: não realizar atendimentos em clientes que apresentam sintomas respiratórios, como: coriza, tosse, febre e mal-estar.

Além disso, precisarão adotar os seguintes procedimentos: fornecer álcool em gel 70% (setenta por cento) na entrada do estabelecimento; higienizar as mãos com álcool 70% (setenta por cento) entre um procedimento e outro; não realizar atendimentos em clientes que apresentem sintomas como: coriza, tosse, febre, dor de garganta e mal-estar;  atender clientes somente com horário marcado, não podendo ficar pessoas aguardando para serem atendidas; demarcação e orientações de manter distâncias de ao menos 2,0 (dois) metros entre as cadeiras; fazer o uso de máscaras; exercer prioridade ao atendimento do grupo de risco; orientar a não necessidade de mais de que um membro da família frequente o estabelecimento; manter a higienização interna e externa dos estabelecimentos com limpeza permanente; manter disponível kit completo de higiene de mãos nos sanitários de clientes e funcionários, utilizando sabonete líquidos, álcool em gel e toalhas de papel não reciclado.

Flávio Fogueral – Jornal Leia Notícias

Scroll Up