Botucatu: Aulas presenciais para a Educação Infantil retornam nesta segunda (22)

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

As aulas presenciais retornarão gradativamente em Botucatu a partir desta segunda-feira, 22 de fevereiro. Com isso, mais de 10 mil alunos da rede básica de ensino, seja em âmbito municipal, estadual ou particular voltam às salas de aula. As regras estão no Decreto 12.212, de 12 de fevereiro de 2021.

O retorno, no entanto, será opcional, ficando a critério dos pais e de alunos. Os estabelecimentos de ensino deverão respeitar os critérios de limitações de quantidade de estudantes, além da adoção de protocolos que venham a garantir distanciamento e higiene. Quanto à rede municipal de ensino, que concentra 15 mil alunos, desde o berçário até a Educação de Jovens e Adultos, alguns protocolos foram adotados, mas não especificados pelo Poder Público.

A quantidade de alunos permitidos segue a regulamentação estadual, que estabelece números por cada fase do Plano São Paulo de combate à pandemia. Botucatu, pelos critérios do governo paulista, está na Fase Vermelha, mas um decreto municipal flexibiliza tal etapa.

Conforme o governo paulista, nas unidades de educação infantil, ensino fundamental e ensino médio, têm a seguinte limitação: nas fases vermelha ou laranja, com a presença limitada a até 35% do número de alunos matriculados

A retomada das aulas poderá ser suspensa mediante avaliação periódica conforme a evolução da pandemia em Botucatu. Para isso foi criada uma comissão de acompanhamento, planejamento e avaliação de retorno das aulas presenciais nas redes municipal, estadual e particular, que terá a função de fixar medidas e protocolos para o retorno presencial das atividades escolares. A avaliação ocorrerá a cada 15 dias.

Retorno já ocorre de forma remota

No entanto, a volta às aulas já ocorreu em Botucatu de forma remota, desde 8 de fevereiro, com atividades remotas para este contingente de alunos. A escola disponibilizará material impresso com atividades pedagógicas, em que os responsáveis ficarão incumbidos de retirá-los na unidade escolar, através de cronograma informado pela unidade escolar, de tal forma a evitar aglomerações e com todas as medidas de segurança e distanciamento que o momento exige. Todas as atividades pedagógicas remotas, antes de serem enviadas aos alunos, são validadas pelos Coordenadores Pedagógicos de cada escola.

Por Flávio Fogueral

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes