Bellucci abandona, Croácia fecha confronto e Brasil é rebaixado na Davis

O Brasil viu ir por água abaixo a esperança de figurar no Grupo Mundial da Copa Davis no ano que vem com a derrota de Thomaz Bellucci neste domingo. O tenista número 1 do País não resistiu ao intenso jogo de Borna Coric, acusou fortes dores nas costas a partir do terceiro set e precisou abandonar no quarto, quando o croata se encaminhava para o triunfo.

Com 2 sets a 1 de vantagem, parciais de 6/2, 4/6 e 7/6 (7/4), Coric vencia por 4 a 0 na quarta parcial quando Bellucci abandonou. Desta forma, a Croácia fechou o confronto diante do Brasil em 3 a 1, calando a torcida que compareceu em peso ao Costão do Santinho, em Florianópolis.

O resultado deixa os croatas na elite do tênis mundial, enquanto o Brasil está rebaixado para o Zonal Americano do ano que vem. Com a série finalizada, a quinta partida, prevista para acontecer entre João Souza, o “Feijão”, e Mate Delic, pode nem ser disputada.

Bellucci foi o autor do único ponto brasileiro no confronto, ao bater Mate Delic na sexta-feira. No entanto, Feijão foi presa fácil para Coric na sequência e, no sábado, a dupla formada por Bruno Soares e Marcelo Melo caiu diante de Ivan Dodig e Franko Skugor, deixando o País em situação complicada.

Neste domingo, o começo de jogo foi desanimador para quem compareceu à arena. Coric não de chances para Bellucci, impôs seu jogo de golpes firmes no fundo da quadra e disparou. Conseguiu quebras no quarto e no oitavo games, sendo que esta última definiu sua vitória no set.

Mas Bellucci reagiu na segunda parcial. Na raça, minou a vantagem do rival, igualou o nível técnico e conseguiu uma quebra fundamental no sétimo game. Depois, confirmou o serviço duas vezes para garantir o empate.

O terceiro set foi quase uma repetição do segundo, mas sem a mesma sorte para Bellucci. O brasileiro voltou a quebrar Coric no sétimo game, só que desta vez não soube se beneficiar da vantagem e viu o rival empatar na sequência. No tie-break, o croata se impôs e saltou à frente.

A derrota na parcial tirou Bellucci da partida. Fisicamente e mentalmente o brasileiro se perdeu, foi quebrado duas vezes em sequência na quarta parcial e ruiu. Chegou a pedir um longo atendimento médico por conta de suas dores nas costas, mas não aguentou e abandonou. Melhor para Coric, que confirmou o triunfo dele e de seu país.

Fonte: Estadão

Scroll Up