Alesp aprova multa para quem furar fila da vacinação em SP

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

A Alesp (Assembleia Legislativa de São Paulo) aprovou um projeto de lei que estabelece multa para quem furar a fila da vacinação contra o novo coronavírus. Os deputados fixaram valor de até R$ 100 mil para quem passar na frente de pessoas que pertencem aos grupos prioritários no cronograma de imunização contra a covid-19.

O projeto de lei nº 37, de 2021, dos deputados Heni Ozi Cukier (Novo) e Gilmaci Santos (Republicanos) foi aprovado na noite desta quarta-feira (10).

A Alesp estabeleceu também multa de R$ 25 mil para os profissionais que aplicarem a vacina irregularmente. Já quem receber o imunizante de forma indevida será multado entre R$ 25 e 50 mil.

O valor mais alto da multa (R$ 100 mil) será para os funcionários públicos do estado que furarem a fila da vacina. Eles também vão responder a processo administrativo, que poderá resultar em exoneração.

O projeto segue agora para a sanção do governador de São Paulo, João Doria (PSDB).

Fonte: R7

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes