Alemanha endurece restrições para frear avanço do novo coronavírus

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

A Alemanha vai introduzir novas medidas mais restritivas para combater o recrudescimento da pandemia de covid-19, anunciou na noite desta quarta-feira (14) a chanceler Angela Merkel, após uma reunião com os encarregados dos 16 estados regionais.

O número máximo de participantes permitido em eventos privados será de 15 em regiões que registrem mais de 35 novos casos por 100 mil habitantes em sete dias. Nessas áreas, o uso de máscara será obrigatório quando as pessoas permanecerem próximas umas das outras por um determinado período is privados.

“Estou convencida de que o que fizermos agora determinará a forma como superaremos esta pandemia”, disse Merkel. “Podemos ver […] que a taxa de infecção está aumentando e que em algumas regiões é muito alta”, acrescentou. “É por isso que devemos impedir um aumento descontrolado ou exponencial”.

Caso sejam ultrapassados os 50 novos casos por 100 mil habitantes, serão impostas regras mais severas, como a limitação das reuniões privadas a dez pessoas de dois domicílios no máximo e o fechamento de restaurantes às 23h.

Os governos federal e regionais, responsáveis pelas políticas de saúde, passaram oito horas na quarta-feira desenvolvendo essas normas, que tentam conciliar situações muito díspares, consequência do federalismo.

A Alemanha registrou 5 mil novos casos de covid-19 em 24 horas na quarta-feira, um nível que não era alcançado desde a quarentena do país na primavera.

Fonte: Yahoo!

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes