Willian sofre lesão e desfalca o Corinthians de quatro a cinco semanas

O meia Willian passou por um exame de ressonância magnética nesta sexta-feira e teve constatada uma lesão de grau 2 no músculo posterior da coxa esquerda.

O prazo para a cicatrização da lesão do camisa 10 é de quatro a cinco semanas. Para voltar a jogar, poderá exigir ainda mais tempo, mas tudo dependerá da evolução do jogador ao tratamento.

A princípio, Willian desfalca o Corinthians por ao menos cinco jogos, a começar pelo clássico contra o São Paulo, na próxima segunda-feira, às 20h, no Morumbi, pela 27ª rodada. As demais partidas em que ele será baixa certa são contra Internacional (24/10), Chapecoense (30/10), Fortaleza (6/11) e Atlético-MG (ainda sem data, pela rodada 31).

Consultor médico do Corinthians, Joaquim Grava disse ao ge que o problema de Willian não está relacionado com o edema muscular que teve contra o Bahia, quando teve de ser substituído. Trata-se, portanto, de uma nova lesão.

– Ele estava com um pequeno edema na coxa, fizemos um tratamento, tiramos ele do jogo contra o Sport, ele treinou segunda-feira, terça-feira, tudo normal, fez arranque e tudo mais. E na quarta-feira ele teve uma lesão no jogo, que agora consideramos de grau 2, em outro local. Foi uma outra lesão. Não é comum, mas uma não está relacionado com a outra. Ele não tinha mais nada da outra lesão, tanto que foi para o jogo. Não teve erro – garantiu o médico.

Nas redes sociais, o jogador lamentou o problema:

– Quero agradecer as mensagens de apoio e carinho que venho recebendo nos últimos dias. Vocês me deram muita força e amenizaram minha tristeza. Infelizmente, vou ficar fora por um período, mas já estou trabalhando para me recuperar e voltar ainda mais forte – disse Willian em suas redes sociais.

Escalado no time titular contra o Fluminense, o meia sentiu um desconforto muscular na parte posterior da coxa esquerda e teve de pedir substituição com cerca de sete minutos de bola rolando. Ele deixou o campo chorando. Na quinta, fez tratamento em dois períodos no CT Joaquim Grava.

Sem ele, Sylvinho tem Gustavo Mosquito, Adson e Jô como opções para a função.

Um possível Corinthians para o clássico tem Cássio, Du Queiroz, João Victor, Gil e Fábio Santos; Cantillo, Renato Augusto e Giuliano; Gabriel Pereira, Gustavo Mosquito (Adson ou Jô) e Róger Guedes.

Fonte: G1 – Foto: Rodrigo Coca/Agência Corinthians

Scroll Up