16 de junho, 2024

Últimas:

Vaquinha para brasileiro que salvou crianças de ataque na Irlanda chega a R$ 2 milhões

Anúncios

Uma vaquinha virtual criada por irlandeses para pagar um pint (tradicional copo de cerveja comum em países Europeus e nos Estados Unidos) ao brasileiro Caio Benício, de 43 anos, já arrecadou 361 mil euros (valor equivalente a cerca de R$ 2 milhões). O entregador – nascido em Niterói e morador de Dublin – é tratado como herói nacional após ter reagido a um ataque a facadas na capital do país, ocorrido na última quinta-feira.

Nesta segunda-feira, Benício foi recebido pelo primeiro-ministro da Irlanda, Leo Varadkar, e homenageado com uma medalha pelo ato de coragem durante um ataque em Dublin. O entregador brasileiro, ao lado de um estudante francês de hotelaria, se tornou herói no país, desempenhando papel decisivo quando a pessoa que atacou cinco pessoas com uma faca, ferindo gravemente uma menina de cinco anos.

Anúncios

A vaquinha foi descrita como uma forma do brasileiro que a população de Dublin gosta do brasileiro. “Este homem é um herói e o mínimo que podemos fazer é comprar uma cerveja para ele, então peço que você doe o preço de uma Guinness para Caio, para que ele saiba que o povo de Dublin o aprecia”, diz o texto da campanha.

Os organizadores contaram que já conseguiram estabelecer contato com o brasileiro. Caio será adicionado como beneficiário da vaquinha e “todo o dinheiro seja repassado diretamente para ele”.

Anúncios

Herói nacional

O entregador brasileiro deteve o homem que esfaqueou três crianças e dois adultos em Dublin, nesta quinta-feira. Ele passava pela rua, de moto, quando viu o criminoso armado atacando uma jovem na Parnell Square, uma praça movimentada de uma área residencial no centro da capital irlandesa.

Caio então desceu de sua moto, tirou o capacete e atingiu o agressor com o objeto. Ao todo, cinco pessoas ficaram feridas, entre elas três crianças. O ato do brasileiro, no entanto, impediu uma tragédia maior.

Encontro com primeiro-ministro

Pelo Instagram, nesta segunda-feira, Benício agradeceu a honraria decebida do primeiro-ministro.

“Foi uma grande honra conhecer o Primeiro-Ministro Leo Varadkar e receber uma medalha pelo meu ato de coragem”, escreveu ele.

Fonte: G1

Talvez te interesse

Últimas

Anúncios Ninguém acertou as seis dezenas do concurso 2.737 da Mega-Sena, realizado na noite deste sábado (15) no Espaço da Sorte, na...

Categorias