Torcedores do Corinthians penduram faixas de protesto no CT e na sede do clube

Um grupo de torcedores do Corinthians pendurou faixas de protesto no Parque São Jorge, sede social do clube, e também na entrada do CT Joaquim Grava, onde treinam os jogadores. Os alvos foram a diretoria e o Comitê de Ética do clube.

Embora tenha divulgado as imagens nas suas redes sociais, a torcida Gaviões da Fiel diz que os autores da ação fazem parte do “Movimento Salve o Corinthians”, que é apoiado pelas torcidas organizadas do clube. Há cerca de um mês, uma grande manifestação ocorreu na porta do clube.

Protesto da torcida do Corinthians na porta do CT  — Foto: Fernando Lago/Divulgação
Protesto da torcida do Corinthians na porta do CT (Foto: Fernando Lago/Divulgação)

No CT, as críticas foram mais ligadas ao futebol, como na faixa “Muito $$$ e pouco futebol. Criado por operários, roubado por empresários”.

Protesto da torcida do Corinthians na porta do CT  — Foto: Fernando Lago/Divulgação
Protesto da torcida do Corinthians na porta do CT (Foto: Fernando Lago/Divulgação)

Uma outra faixa questionava a chapa “Renovação & Transparência”, ligada a Andrés Sanchez e que elegeu Duilio Monteiro Alves no fim de 2020. O dirigente vive seus primeiros meses de gestão.

Protesto da torcida do Corinthians na porta do Parque São Jorge  — Foto: Fernando Lago/Divulgação
Protesto da torcida do Corinthians na porta do Parque São Jorge (Foto: Fernando Lago/Divulgação)

No Parque São Jorge, o Conselho de Ética foi cobrado para tomar providências sobre as contas reprovadas de 2019. Os conselheiros avaliam se Andrés será ou não punido internamente.

Protesto da torcida do Corinthians na porta do Parque São Jorge  — Foto: Fernando Lago/Divulgação
Protesto da torcida do Corinthians na porta do Parque São Jorge (Foto: Fernando Lago/Divulgação)

Fonte: G1 – Foto: Fernando Lago/Divulgação

Scroll Up