Temporal derruba pontes e moradores de Laranjal Paulista ficam ilhados

A Prefeitura de Laranjal Paulista (SP) decretou estado de emergência e calamidade pública nesta segunda-feira (10) depois que um temporal provocou quedas de pontes, alagamento de imóveis e deixou famílias desalojadas e ilhadas.

Uma das pontes destruídas foi a do bairro São Roque. Ela foi levada pela correnteza durante a chuva forte entre domingo (9) e segunda-feira e pelo menos 20 famílias ficaram ilhadas. O acesso é o único que leva o bairro ao Centro da cidade.

A chuva forte também derrubou um poste de energia elétrica e danificou a tubulação de água, deixando os moradores do bairro sem os serviços.

Em nota, a Sabesp informou que equipes estiveram no local e os serviços de reparo foram concluídos na tarde desta segunda-feira e o abastecimento foi normalizado no bairro São Roque.

Imóveis da cidade foram invadidos pela água e a chuva forte também provocou quedas de árvores. Não foram registradas vítimas.

Segundo a Defesa Civil, de domingo até a manhã de segunda-feira foram registrados 226 milímetros de chuva na região central da cidade. O volume é maior que o esperado para todo o mês de fevereiro.

A Prefeitura de Laranjal Paulista divulgou uma nota em relação ao caso e informou que está arrecadando agasalhos, cobertores, alimentos, produtos de higiene pessoal, colchões e móveis para serem destinados aos moradores afetados pela chuva.

Tietê

Trechos de rodovia foram interditados em Tietê (SP) — Foto: Claudia Prates/TV TEM
Trechos de rodovia foram interditados em Tietê (SP) (Foto: Claudia Prates/TV TEM)

Por causa da chuva forte, trechos da Rodovia Marechal Rondon estão parcialmente interditados para limpeza da pista, em Tietê (SP), no sentido Laranjal Paulista (SP).

De acordo com a concessionária que administra a rodovia, a limpeza está sendo feita por causa de deslizamentos de terra às margens do trecho, na manhã desta segunda-feira.

Ainda segundo a concessionária, as equipes de limpeza estão no local e os pontos parcialmente interditados são no quilômetro 167 e no quilômetro 191, onde a pista está interditada nos dois sentidos. Não há previsão para normalização do trânsito nos locais.

O temporal também causou alagamento da Avenida Beira Rio e encheu de água o campo do estádio José Ferreira Alves.

O nível de água de um córrego subiu rapidamente durante a chuva forte, a barragem transbordou na ponte da Rua Bom Jesus, no Jardim da Serra, e uma árvore foi derrubada.

A chuva também fez o Lago da Serra transbordar e a água invadiu a Avenida Amélio Schincariol, no bairro Jardim da Serra.

A Defesa Civil monita a situação e orienta os moradores.

Cerquilho

Em Cerquilho (SP), uma ponte da Rua Almirante Barroso, no bairro São Luiz, foi parcialmente interditada. O nível do rio que passa pelo local aumentou e o trecho caiu com a força da água.

A Defesa Civil e Secretaria de Obras da prefeitura fizeram uma vistoria e a ponte foi parcialmente interditada, mas a passagem de carros está permitida.

Quando a chuva parar, obras para recuperação do local serão feitas.

Ponte do bairro São Luiz, em Cerquilho (SP), ficou danificada  — Foto: Arquivo Pessoal
Ponte do bairro São Luiz, em Cerquilho (SP), ficou danificada (Foto: Arquivo Pessoal)

Pereiras

O nível do córrego que passa por Pereiras (SP) subiu durante a chuva que atingiu a cidade nesta segunda-feira e a água transbordou e invadiu os quintais de algumas casas.

Fonte: G1

Scroll Up