25 de julho, 2024

Últimas:

São Paulo vence o São Bento e garante vaga nas quartas do Paulistão

Anúncios

O São Paulo derrotou o São Bento por 3 a 0, nesta quarta-feira, no estádio Walter Ribeiro, em Sorocaba (SP), e garantiu com duas rodadas de antecipação a sua classificação às quartas de final do Campeonato Paulista. O meio-campista argentino Galoppo – artilheiro da competição ao lado de Róger Guedes, do Corinthians, com sete gols -, o atacante Pedrinho e o centroavante Calleri balançaram as redes para o Tricolor.

Agora com 20 pontos, o São Paulo se mantém na liderança do Grupo B, deixando para trás o Água Santa, em segundo com 17, e o Mirassol, em terceiro com 12, que não tem mais como alcançá-lo nas duas rodadas finais. E o Tricolor chegou também ao segundo lugar na classificação geral, só atrás do Palmeiras, que tem 21.

Anúncios

Já o São Bento fica em situação ambígua no Paulistão. Com nove pontos, o time de Sorocaba está em terceiro lugar no Grupo C, junto com o vice-líder Ituano, ainda na briga pela classificação às quartas de final. Mas tem apenas um ponto a mais que a Ferroviária, que está dentro da zona de rebaixamento à Série A2.

Pela 11ª e penúltima rodada da fase de classificação, o São Paulo voltará a campo neste sábado contra o São Bernardo, às 18h30 (de Brasília), no estádio do Morumbi, em São Paulo. No dia seguinte, o São Bento também estará na capital paulista para enfrentar a Portuguesa, às 20h30, no estádio do Canindé.

Anúncios

O jogo – O São Paulo demorou para engrenar na partida em Sorocaba. Tentando se adaptar ao gramado, baixo e irregular, o Tricolor acabou dando alguns espaços para o São Bento, que chegou com perigo em alguns lances, mas nada que assustasse o goleiro Rafael.

Com mais posse de bola, o São Paulo se achou depois dos 20 minutos e começou a incomodar a defesa rival. Aos 22, Rodrigo Nestor arriscou um chute rasteiro de fora da área e, aos 24, Alan Franco cabeceou com perigo após escanteio da esquerda.

A primeira oportunidade apareceu aos 31 minutos. Nestor recebeu no meio e cruzou no meio da área. Calleri entrou por trás do zagueiro e marcou o gol de cabeça. Mas o lance foi anulado por impedimento pelo auxiliar e depois confirmado pelo VAR.

Nos acréscimos, aos 46 minutos, nem o árbitro de vídeo impediu o gol do Tricolor. Após escanteio cobrado por Wellington Rato no lado esquerdo, Luciano desviou na primeira trave para a segunda e Galoppo apareceu de carrinho para tocar para a rede.

Na volta do intervalo, o São Paulo manteve a sua postura ofensiva e não deu muitos espaços para o São Bento. O time de Sorocaba não teve forças para atacar e o máximo que conseguiu foi uma bola levantada na área para o lateral direito Ivan, que entrou nas costas de Caio Paulista e tocou por cima do gol de Rafael.

Em seu ataque, o Tricolor buscou a troca rápida de passes para conseguir as suas oportunidades. Aos oito minutos, Luciano teve a sua chance ao receber dentro da área, dominar e chutar com força. Mas o goleiro Zé Carlos fez a defesa em dois tempos.

Até os 30 minutos, as tentativas para o segundo gol vieram em arremates de fora da área, mas todas foram rebatidas pelos defensores do São Bento. Só aos 31 veio uma chance mais real. Galoppo deu o passe de voleio para Pedrinho, que bateu de primeira para a defesa de Zé Carlos.

O atacante, que havia entrado pouco antes desse lance, fez o seu na partida. Aos 37 minutos, Pedrinho aproveitou um rebote dentro da área e marcou de cabeça. O lance demorou para ser confirmado por causa da checagem de um possível impedimento por parte do VAR.

Nos acréscimos, o São Paulo fez o seu terceiro gol. Após cruzamento da direita, o centroavante argentino Calleri apareceu livre na área e cabeceou para a rede. Mais uma vez, o lance foi analisado pelo VAR por conta vde um possível impedimento, mas ele foi confirmado.

FICHA TÉCNICA
SÃO BENTO 0 x 3 SÃO PAULO

Local: Estádio Walter Ribeiro, em Sorocaba (SP)
Data: 21 de fevereiro de 2023 (terça-feira)
Hora: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Vinícius Gonçalves Dias Araújo
Assistentes: Miguel Cataneo Ribeiro da Costa e Fausto Augusto Viana Moretti
VAR: Adriano de Assis Miranda
Renda: R$ 602.900,00
Público: 10.446 torcedores
Cartões amarelos: Vitinho e Bruno Aguiar (São Bento); Pablo Maia (São Paulo)
Gols:
SÃO PAULO: Galoppo (aos 46min do 1º tempo), Pedrinho (aos 37min do 2º tempo) e Calleri (aos 48min do 2º tempo)

SÃO BENTO: Zé Carlos; Ivan, Victor Pereira, Bruno Aguiar, Marlon (Fernandinho) e Breno Lopes; Vitinho (Lucas Lima), Carlos Jatobá e Renan Mota (Rafael Chorão); Iago Dias (Cristiano) e Marcos Nunes (Kayan).
Técnico: Paulo Roberto Santos

SÃO PAULO: Rafael; Nathan, Alan Franco, Beraldo e Caio Paulista (Patryck); Luan (Méndez), Rodrigo Nestor (Pablo Maia), Galoppo (Alisson) e Wellington Rato (Pedrinho); Luciano e Calleri.
Técnico: Rogério Ceni

Fonte: Yahoo!Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net

Talvez te interesse

Últimas

O percentual de adesão foi registrado nos últimos seis meses, período de funcionamento do Crematório Metropolitano São João Batista, empresa...

Categorias