São Paulo vence o Guarani pelo Campeonato Paulista

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

O São Paulo recebeu o Guarani na noite desta quarta-feira, no Morumbi, pela nona rodada do Campeonato Paulista. De olho no clássico contra o Palmeiras, sexta, no Allianz Parque, o Tricolor foi a campo com um time completamente reserva, recheado de jovens da base, mas contando também com a experiência de Miranda, que reestreou pelo clube com a vitória por 3 a 2.

Welington, Igor Gomes e Vitor Bueno balançaram as redes para o São Paulo. Airton e Bruno Sávio descontaram para o Guarani, que fez jogo duro no Morumbi, mas não conseguiu evitar mais uma vitória tricolor neste reinício de Campeonato Paulista – são três triunfos em três jogos desde o fim da paralisação.

Com o resultado, o São Paulo passou a ser o time com a melhor campanha do Estadual, com 76,2% de aproveitamento, além de ser dono do melhor ataque da competição, com 19 bolas nas redes. O Guarani, por sua vez, segue com apenas uma vitória no torneio e precisa reagir para seguir sonhando com a classificação ao mata-mata.

O Guarani não se intimidou com o fato de estar jogando fora de casa e logo no primeiro minuto assustou o São Paulo em chute de Bruno Sávio, que passou perto da meta defendida por Lucas Perri. Mas, aos nove minutos, o Tricolor não conseguiu evitar o gol dos visitantes. Em cobrança de escanteio, o goleiro são-paulino fez o desvio, mas a boal ficou “viva” dentro da área para o zagueiro Airton chegar batendo e abrir o placar para o Bugre.

Em desvantagem, o São Paulo tratou de responder no minuto seguinte com Galeano, que recebeu cruzamento de Welington no segundo pau, driblou a marcação, mas pegou errado na bola, chutando para fora. A bola aérea continuou sendo um problema para o Tricolor. Aos 13 minutos, em outra cobrança de escanteio fechada, Régis viu Galeano tocar de cabeça na tentativa de afastar o perigo, mas carimbou a trave.

O toma lá da cá não cessou. Aos 15, Welington cruzou rasteiro, Igor Gomes dominou, mas a bola fugiu um pouco, sobrando para Benitez chegar batendo de primeira, buscando o ângulo, mas faltou pontaria. Pouco depois foi a vez de Vitor Bueno conduzir e experimentar de longa distância, forçando boa defesa do goleiro Gabriel.

Mas, de tanto insistir, o Tricolor foi coroado com o empate antes do intervalo. Em boa jogada pela direita, Talles acionou Galeano, que chegou na linha de fundo e cruzou na área. Benitez apareceu livre para cabecear, Gabriel fez a defesa, mas, no rebote, a bola sobrou para Welington, destaque do primeiro tempo, completar para o fundo das redes, deixando tudo igual no Morumbi aos 44 minutos.

No segundo tempo o São Paulo não quis perder tempo e tratou de virar o jogo logo aos quatro minutos. Benitez deu passe açucarado para Igor Gomes em profundidade, mas, sozinho, o meia decidiu voltar para Liziero, que abriu para Galeano chegar na linha de fundo e cruzar rasteiro para Igor Gomes, agora sim, completar para o fundo das redes.

Pouco depois, aos dez, Benitez recebeu cruzamento no segundo pau, livre, mas errou a pontaria ao tentar concluir de voleio. O Guarani, por sua vez, só foi tomar iniciativa aos 18 minutos, quando Diego Costa saiu fazendo fila, mas errou passe ainda na defesa, entregando de bandeja para Matheus Davó, que arriscou de longe, mandando à direita da meta defendida por Lucas Perri.

Mais relaxado, o São Paulo acabou sendo castigado aos 26 minutos. Em jogada de contra-ataque, Matheus Davó fez boa jogada pela direita e cruzou rasteiro para o meio da área, encontrando Bruno Sávio, que precisou apenas completar de primeira para o fundo das redes, empatando a partida para o Guarani.

Mas, antes do apito final, Vitor Bueno, tão criticado por parte da torcida, acabou salvando a noite. Depois de perder uma chance inacreditável praticamente debaixo da trave, o camisa 12 tricolor não desperdiçou aos 38 minutos. Recebendo bom passe de Galeano, o atacante saiu na cara do gol e tocou no canto do goleiro para sacramentar mais uma vitória tricolor neste reinício de Paulistão.

SÃO PAULO 3 X 2 GUARANI

Local: estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)
Data: 14 de abril de 2021, quarta-feira
Horário: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Salim Fende Chavez
Assistentes: Risser Jarussi Correa e Paulo Cesar Modesto
VAR: Luiz Flávio de Oliveira

Gols: Airton, aos 9 do 1ºT, Bruno Sávio, aos 26 do 2ºT (Guarani); Welington, aos 44 do 1ºT, Igor Gomes, aos 4 do 2ºT, Vitor Bueno, aos 38 do 2ºT (São Paulo)
Cartões amarelos: Rodrigo Andrade (Guarani)

SÃO PAULO: Lucas Perri; Diego Costa, Miranda e Rodrigo; Galeano, Talles Costa, Liziero (Luan), Igor Gomes (Eder) e Welington (Léo); Benítez (Bruno Rodrigues) e Vitor Bueno (Arboleda).
Técnico: Hernán Crespo.

GUARANI: Gabriel Mesquita; Éder Sciola, Romércio, Airton e Bidu (Eliel); Índio, Régis (Matheus Davó) e Rodrigo Andrade; Júlio César (Matheus Souza), Andrigo e Bruno Sávio.
Técnico: Allan Aal.

Fonte: Yahoo!Foto: Rubens Chiri/saopalulofc.net

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes