São Paulo vence o Corinthians no NBB

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

O São Paulo virou um clássico contra o Corinthians, pelo NBB, em que chegou a estar 14 pontos atrás, e venceu por 85 a 78, neste sábado, em Brasília. Georginho, que não marcou um ponto sequer no primeiro quarto, foi o cestinha ao final, com 23 pontos. O tricolor só assumiu a liderança no placar no último período.

Como os times chegaram ao clássico

O Corinthians veio com derrota para o Flamengo por 98 a 85 enquanto o São Paulo tinha vencido sua última partida: 86 a 80 sobre o Cerrado.

Como foi o jogo no 1º turno

O São Paulo estreou neste NBB, em 14 de novembro, com vitória no clássico contra o Corinthians por 107 a 61. Destaque também para a estrela do São Paulo, Georginho. O ala-armador que já tem no currículo o status de recordista em triplo-duplos da história do NBB (cinco), anotou o primeiro da temporada já em sua estreia. Ele fechou o jogo com 21 pontos, 14 rebotes e 10 assistências.

O jogo

O Corinthians, bem nos contra-ataques, abriu 7 a 2. Fischer, com nove pontos, ampliou a vantagem corintiana para 18 a 8. Diferença que se ampliou mais ainda no primeiro quarto (21 a 8), com três de Renato. O São Paulo respondeu com outra de três, com Shamell. Georginho, um dos destaques do São Paulo, passou em branco nos primeiros 10 minutos. Foi um tricolor com muitos erros (5 no primeiro quarto, dois apenas de Georginho). Com isso, deu Corinthians com 23 a 11 no primeiro quarto.

Isaac acertou de três no começo do segundo período para descontar a diferença contra o São Paulo (23 a 24). Lucas Mariano converteu a cesta, e ainda levou o lance livre para deixar o tricolor oito pontos atrás (25 a 17). Até então frágil, a marcação do São Paulo começou a melhorar. Logo depois, pressionou e fez o Corinthians estourar a posse de bola. Siewert veio do banco e converteu duas cestas, além de uma bola de três, deixando o time corintiano novamente com vantagem confortável (35 a 21), a maior no jogo.

A três minutos do intervalo, Dawkins, com três pontos para o tricolor, deixou o placar em 37 a 28 para o Corinthians. Georginho acertou sua segunda de três – em três tentativas – e o São Paulo reduziu a desvantagem para sete pontos (39 a 32). Zerado no primeiro quarto, ele somou, no segundo período, 12 pontos, cestinha tricolor. Cestinha do jogo, Fischer, que tinha feito nove pontos no primeiro período, somou quatro no segundo (total de 13). O jogo seguiu para o intervalo com o Corinthians liderando por 43 a 37.

O terceiro período começou com um toco de Lucas Mariano, do São Paulo, em Renato, que, na jogada seguinte acertou de três. Georginho, com sua terceira bola de três em quatro tentadas, e uma bandeja, deixou o São Paulo seis atrás (52 a 46). Já eram 17 pontos dele a essa altura. A diferença baixou para três pontos, numa enterrada de Isaac (56 a 53), com pouco minutos ainda a jogar no período. E encostou com uma bandeja de Bennett (56 a 55 para o Corinthians). Mas, com de três de Fuller a cinco segundos do fim do terceiro período, o Corinthians conseguiu um respiro: 59 a 55.

No último quarto, veio o empate tricolor com 1 minuto e 40 segundos jogados: 60 a 60, com Renan. E, com pouco mais de 6 minutos ainda de jogo, o São Paulo virou: 65 a 63 com Shamell. Um time abria vantagem, o outro igualava. Foi assim para os dois lados. Bennett, de três, deixou o tricolor com 76 a 71. Siewert, também de três, manteve o Timão no jogo (76 a 73). Georginho, de novo ele, com outra de três, sua quinta em sete tentativas (cestinha com 23 pontos ali), pôs o São Paulo com cinco pontos mais uma vez (79 a 74). A 1 minuto para o fim, com dois lances livres, Shamell fez 81 a 74 para o tricolor. No fim, a virada do São Paulo, por 85 a 78.

Quintetos titulares

Corinthians: Fischer, Fuller, Miller, Arthur e Renato.
São Paulo: Georginho, Bennett, Shamell, Jeferson e Lucas Mariano.

Fonte: G1 –  Foto: Igor Amorim/ Reprodução Instagram NBB

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes