São Paulo goleia a Inter de Limeira no Paulistão

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

O São Paulo conquistou sua primeira vitória sob o comando de Hernán Crespo. Nesta quarta-feira, contra a Inter de Limeira, no estádio Major Levy Sobrinho, pela segunda rodada do Campeonato Paulista, o Tricolor não tomou conhecimento do adversário e com uma atuação eficiente saiu de campo com a goleada por 4 a 0, gols de Gabriel Sara, Pablo, Luciano e Rojas, de pênalti.

Com o resultado, o São Paulo garantiu a liderança provisória do Grupo B do Campeonato Paulista, com quatro pontos. A Ponte Preta, que pode encerrar a rodada com a mesma pontuação, enfrenta o Santo André nesta quinta-feira e precisará vencer por cinco gols de diferença para desbancar o Tricolor da ponta da tabela.

Agora, o São Paulo já volta o foco para o clássico do próximo sábado, contra o Santos, no estádio do Morumbi. Apesar do pouco tempo que teve até agora para trabalhar, Hernán Crespo começa a ver sua equipe implementar algumas de suas ideias de jogo, se desvencilhando cada vez mais do estilo de Fernando Diniz.

Recebido com protestos e pipocas na chegada ao estádio, o São Paulo começou o jogo ligado e não demorou para abrir o placar. Aos quatro minutos, Pablo deu lindo passe de calcanhar para Igor Vinícius, que chegou na linha de fundo e cruzou para Luciano, que carimbou a trave. No rebote, Gabriel Sara bateu de primeira e estufou as redes do goleiro Rafael Pin.

O jovem meio-campista do Tricolor estava inspirado. Animado com o gol, Gabriel Sara quase fez o segundo aos 25 minutos, soltando uma pancada de fora da área, no ângulo, forçando o goleiro da Inter de Limeira a saltar para fazer grande defesa.

O São Paulo seguiu pressionando e criando boas chances de ampliar. Pouco depois da bomba de Gabriel Sara foi a vez de o Tricolor chegar com perigo pelo alto. Luciano recebeu cruzamento de Daniel Alves no segundo pau e, de cabeça, mandou para o meio da área, mas a bola passou frente de Arboleda e Pablo, que tentaram, mas não conseguiram alcançá-la.

Se o jogo já estava difícil para a Inter de Limeira, aos 41 minutos a situação ficou ainda pior. Thiaguinho puxou a camisa de Luciano em jogada de contra-ataque do São Paulo e recebeu o segundo cartão amarelo após quatro minutos de levar o primeiro, sendo expulso pela arbitragem.

O São Paulo começou a etapa complementar como iniciou o primeiro tempo: querendo ir às redes. Logo no primeiro minuto, Igor Vinícius fez ótimo cruzamento pela direita, mas Pablo não pegou em cheio de cabeça, perdendo grande oportunidade de ampliar. Pouco depois, aos cinco minutos, Igor Vinícius fez mais um cruzamento, mas desta vez a bola fez uma curva inusitada e por pouco não encobre o goleiro Rafael Pin, que espalmou para trás.

A Inter de Limeira, que jogava com um a menos, só foi responder aos 15 minutos. Após um vacilo na saída de bola do São Paulo, Felipe Saraiva arriscou de fora da área, mas Volpi fez a defesa. Já no minuto seguinte, o Tricolor foi mais feliz. Reinaldo se livrou da marcação e cruzou na cabeça de Pablo, que desta vez não deixou passar, mandando no contrapé do goleiro para fazer 2 a 0.

Mas, era o Tricolor quem mandava na partida e não demorou para que a vitória se tornasse ainda mais elástica. Aos 30 minutos, Rojas, que entrou na vaga de Pablo, recebeu pela direita, deixou o zagueiro no chão, levou para o meio e bateu forte. Luciano, que estava na trajetória da bola, completou de carrinho. Inicialmente, o assistente marcou impedimento, porém, após revisão do VAR, o gol foi validado.

Antes do apito final, o São Paulo ainda teve a oportunidade de transformar a elástica vitória em goleada, mas o juiz não deixou. Rodrigo Nestor recebeu lançamento dentro da área e tocou na saída de Rafael Pin, no entanto, a arbitragem marcou toque no braço do volante tricolor quando ele dominou a bola.

Antes do apito final, o São Paulo ainda teve tempo de transformar a elástica vitória em goleada. Rodrigo Nestor acionou Igor Vinícius dentro da área, e o lateral-direito foi derrubado pela marcação. Após revisão do VAR, a arbitragem marcou pênalti. Joao Rojas, que voltou a jogar há pouco tempo após dois anos e quatro meses fora por lesão, foi para a cobrança e bateu no cantinho, garantindo a vitória tricolor por 4 a 0.

INTER DE LIMEIRA 0 X 4 SÃO PAULO

Local: estádio Major Levy Sobrinho, em Limeira (SP)
Data: 3 de março de 2021, quarta-feira
Horário: 17h (de Brasília)
Árbitro: Flávio Rodrigues de Souza
Assistentes: Daniel Paulo Ziolli e Rodrigo Meirelles Bernardo
VAR: Douglas Marques das Flores

Gols: Gabriel Sara, aos 4 do 1ºT, Pablo, aos 16 do 2ºT, Luciano, aos 31 do 2ºT, e Rojas, aos 46 do 2ºT (São Paulo) 
Cartões amarelos:
 Luan, Daniel Alves (São Paulo); Thiaguinho (2), Lucas Batatinha, Igor Henrique, Léo Silva, Thalisson (Inter de Limeira)
Cartão vermelho: Thiaguinho (Inter de Limeira)

INTER DE LIMEIRA: Rafael Pin; Elacio, Thalisson, Léo Silva e Bruno Xavier; Deivid, Thiaguinho, Igor Henrique (Pedro do Rio) e Rondinelly (Felipe Saraiva); Roger (Tcharlles) e Lucas Batatinha.
Técnico: Thiago Carpini.

SÃO PAULO: Tiago Volpi; Arboleda, Bruno Alves e Léo; Igor Vinícius, Daniel Alves (Hernanes), Gabriel Sara, Luan (Rodrigo Nestor) e Reinaldo (Welington); Luciano (Galeano) e Pablo (Rojas).
Técnico: Hernán Crespo.

Fonte: Yahoo! – Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes