Santos vence o Coritiba na Vila Belmiro pelo Brasileirão

Neste domingo, Santos e Coritiba se enfrentaram pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro. Na Vila Belmiro, o time de Fabián Bustos venceu por 2 a 1. Léo Baptistão abriu o placar aos 12 minutos do primeiro tempo, Léo Gamalho empatou em cobrança de pênalti aos 26 e Henrique, contra, deu a vitória à equipe paulista aos 31.

Com o resultado, o Peixe chega ao primeiro triunfo no torneio e chega a quatro pontos, ficando momentaneamente na vice-liderança. Já o Coxa permanece com três pontos, na quinta posição da tabela.

Santos e Coritiba se enfrentam novamente na próxima quarta-feira, desta vez pela terceira fase da Copa do Brasil, às 19h30 (de Brasília), Couto Pereira. Na rodada seguinte do Brasileirão, o Peixe recebe o América-MG, no domingo (24/04), às 16 horas (de Brasília), enquanto o Coxa visita o Atlético-MG, no sábado, às 21 horas (de Brasília).

No primeiro tempo, logo no início, o Coxa quase abriu o placar. Andrey, livre de marcação, recebeu cruzamento na área e finalizou de cabeça, mas João Paulo fez boa defesa e mandou para para escanteio.

O Peixe respondeu aos cinco minutos. Ângelo trouxe para o meio, acionou Marcos Leonardo no pivô, que tocou para Leó Baptistão finalizar, mas a bola foi para fora.

Aos nove, o Santos chegou em nova jogada de Ângelo. O jovem avançou pela direita e assistiu Léo Baptistão, que girou sobre a marcação e finalizou, parando em Alex Muralha.

Até que, aos 12, os donos da casa abriram o placar. Ângelo lançou Léo Baptistão em profundidade, que tentou ajeitar para Marcos Leonardo, e a bola voltou para o atacante apenas empurrar para o fundo das redes.

Aos 26, Andrey pegou uma sobra na área, foi derrubado por Zanocelo e o árbitro assinalou a penalidade máxima. Léo Gamalho foi para a cobrança e empatou para os visitantes.

O Santos não tardou a responder. Aos 31, Após recuperar a bola no meio-campo, Marcos Leonardo avançou e acionou Lucas Pires na esquerda, o lateral cruzou para a área e Henrique mandou contra o próprio gol.

Nos primeiros 15 minutos da segunda etapa, as equipes não tiveram grandes oportunidades de gol. O Coritiba, atrás do placar, teve mais posse de bola, mas pouco chegou ao gol de João Paulo. O Santos teve problemas para conseguir contra-ataques.

Aos 22, o Peixe teve uma grande chance. Após cobrança de falta, Lucas Braga pressionou a marcação e a bola sobrou para Bryan Angulo que, livre de marcação, bateu por cima. O assistente marcou impedimento da jogada.

O Coxa teve a oportunidade do empate aos 27. Robinho recebeu na intermediária e acionou Egídio na esquerda. O lateral bateu forte para o gol, obrigando defesa de João Paulo.

Aos 31, Alex Muralha impediu o terceiro gol do Santos. Lucas Braga recebeu cruzamento dentro da pequena área, e parou em grande defesa do goleiro da equipe paranaense.

SANTOS X CORITIBA

Local: Vila Belmiro, em Santos (SP)
Data: 17 de abril de 2022, domingo
Horário: 11 horas (de Brasília)
Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhaes (FIFA-RJ)
Assistentes: Thiago Henrique Neto Correa Farinha (RJ) e Thiago Rosa de Oliveira (RJ)
VAR: Carlos Eduardo Nunes Braga (RJ)
Público: 13.052
Renda: R$ 433.040,00
Cartões amarelos: Alef Manga, Guillermo de los Santos, Andrey e Igor Paixão (COR); Eduardo Bauermann, Madson (SAN)
Gols:
Santos: Léo Baptistão (12min do 1º tempo), Henrique (contra, 31min do 1º tempo)
Coritiba: Léo Gamalho (26min do 1º tempo)

SANTOS: João Paulo; Madson (Lucas Barbosa), Maicon, Eduardo Bauermann e Lucas Pires; Rodrigo Fernández e Vinícius Zanocelo (Willian Maranhão); Léo Baptistão (Velázquez), Ângelo (Bryan Angulo), Marcos Leonardo (Lucas Braga) e Jhojan Julio.
Técnico: Fabián Bustos

CORITIBA: Alex Muralha; Guillhermo de los Santos; Henrique, Luciano Castán e Egídio; Willian Farias, Andrey (Val) e Thonny Anderson (Robinho); Igor Paixão, Alef Manga (Adrián Martínez) e Léo Gamalho.
Técnico: Gustavo Morínigo

Fonte: Yahoo! – Foto: Divulgação/Santos FC