Santos se torna a equipe paulista com mais finais nos anos 2000

Depois de 1984, o Santos viveu um jejum de títulos que ameaçou sua condição de grande clube do futebol brasileiro. Além da ausência de conquistas, ganhou força a teoria de que a torcida envelhecia, já que não atraia jovens por causa desta seca. Mas a virada do milênio mudou a sorte do Peixe. E como.

Com a classificação para a decisão da Copa do Brasil 2016, a equipe da Vila Belmiro se tornou o time paulista com mais finais no ano 2000. Ao todo, serão 16 disputas de taça quando o Peixe entrar em campo para enfrentar o Palmeiras. O levantamento é do site da ESPN.

Esta virada no clube começou em 2002. Com as inesquecíveis pedaladas de Robinho, o Santos venceu o Corinthians na última decisão de Campeonato Brasileiro por mata-mata. Antes disso, houve uma traumática final de Campeonato Paulista em 2000, perdida para o São Paulo com um gol de Rogério Ceni.

Neste período de 15 anos, foram conquistados cinco estaduais (2007, 2010, 2011, 2012 e 2015), uma Copa do Brasil (2010), uma Copa Libertadores (2011) e uma Recopa Sul-Americana (2012). A equipe perdeu mais quatro Paulistões, uma Copa Libertadores e um Mundial de Clubes.

No ranking do estado de São Paulo, o Corinthians irá ficar pra trás com suas 15 decisões (11 títulos). Na sequência vem o Tricolor (14 finais e seis taças) e Palmeiras (oito finais e cinco conquistas).

Fonte: Yahoo!

Scroll Up