Santos deve ter força máxima contra o Cuiabá pelo Brasileirão

Após poupar praticamente todos os titulares na vitória de 1 a 0 sobre a Universidad de Quito, nesta quinta-feira, pela Copa Sul-Americana, o técnico do Santos, Fabián Bustos, deverá ter força máxima domingo, contra o Cuiabá, pelo Brasileirão.

Dos atletas que vinham atuando nos últimos duelos, apenas Eduardo Bauermann foi titular no Equador. Lucas Pires, Vinícius Zanocelo, Jhojan Julio e Marcos Leonardo iniciaram a partida no banco de reservas, enquanto João Paulo, Madson, Maicon, Rodrigo Fernández, Léo Baptistão e Ricardo Goulart nem viajaram.

O risco de lesão influenciou na decisão de Bustos. Tendo uma série de nove partidas em maio, o treinador argentino temia perder jogadores em um momento decisivo, com jogo eliminatório pela Copa do Brasil, além de duas partidas em casa pela Sul-Americana.

Fabián Bustos e elenco do Santos durante treino no CT do Athletico-PR — Foto: Ivan Storti/Santos FC
Fabián Bustos e elenco do Santos durante treino no CT do Athletico-PR (Foto: Ivan Storti/Santos FC)

O comandante santista aposta na força do Santos dentro da Vila Belmiro para garantir classificação nas duas competições. O primeiro desafio será contra o Coritiba, na quinta-feira, às 21h30, na Vila Belmiro. O Peixe precisa reverter a vantagem dos paranaenses, que venceram o primeiro duelo por 1 a 0.

Antes disso, o Santos recebe o Cuiabá, domingo, às 18h, na Vila Belmiro, pelo Campeonato Brasileiro. Bustos já deverá contar para esta partida com o retorno dos atletas que não viajaram para Quito e daqueles que começaram no banco de reservas.

Já na Sul-Americana, o Peixe terá as partidas contra a Unión La Calera, no dia 18, e o Banfield, no dia 24, ambas na Vila Belmiro. Bustos espera sair destes confrontos com duas vitórias para avançar na competição. Com isso, é possível que volte a poupar jogadores em outras partidas do Brasileirão. Entre esses confrontos, existem as partidas contra o Goiás, em Goiânia, e o Ceará, na Arena Baueri.

Fonte: G1