29 fevereiro, 2024

Últimas:

Saiba quais alimentos podem estragar sua airfryer

Anúncios

Prática e fácil de usar, a airfryer virou um faz-tudo da cozinha, sendo usada para fritar, assar e até gratinar diversos preparos, de forma que é mais fácil perguntar o que não dá para fazer no aparelho.

A resposta envolve considerar a consistência, o peso e o tamanho do alimento, além de saber se ele vai derreter ou não quando exposto ao calor.

Anúncios

O que não pode fazer na airfryer (Foto: Vecstock/Freepik)

Comidas para não levar à airfryer

  • ? ALIMENTOS LEVES

Os mais perigosos são alimentos leves e pequenos, como folhas de vegetais, milho de pipoca ou massa seca em pedaços.

“Por conta do ar, a comida pode voar dentro da airfryer, grudar na parte elétrica e estragar o aparelho”, diz André Padilla, que tem uma série de vídeos chamada “Tudo na airfryer” no perfil do TikTok @decopadilla.

Anúncios

Ele mesmo teve esse problema ao tentar fazer couve kale e nachos a partir de pedacinhos de pão do tipo tortilha. Isso ocorre porque a parte elétrica desses aparelhos é uma resistência em serpentina que fica exposta na parte interna, acima do cesto onde os alimentos são “fritos”.

  • ? ALIMENTOS QUE SOLTAM VAPOR E FUMAÇA

Alimentos que soltam muito vapor ou fumaça também são um risco para a parte elétrica da airfryer.

“Comidas com muita gordura, como uma peça inteira de picanha, podem soltar muita fumaça, que, então, entra em contato com a serpentina”, conta Padilla.

  • ALIMENTOS GRANDES PARA O CESTO

Da mesma forma, preparos muito grandes também podem encostar na resistência e causar estragos. Fique atento ao tamanho do cesto do aparelho.

“Já fiz receita de galeto e, dependendo do tamanho do frango e do cesto da airfryer, é possível que encoste”, conta o criador de conteúdo.

Pode usar, mas vai ser difícil limpar

  • ? QUEIJOS E EMPANADOS

Eles não são, necessariamente, uma ameaça ao funcionamento da airfryer, mas alimentos com muito queijo, que costumam derreter e grudar na parte de dentro da máquina, “podem fazer uma sujeirona e causar muito estresse para limpar”, afirma Padilla.

Se, ainda assim, você quiser prepará-los na airfryer, prefira aqueles em que o queijo esteja contido, como em salgados congelados.

Empanados são um pouco mais complicados, dependendo de como você prepara a comida antes de colocar no aparelho.

Para Padilla, o prato pode dar certo se o cozinheiro for retirando o excesso de ovo em cada etapa, para que não pingue no interior da máquina.

“Nesse caso, é bom untar o aparelho com algum tipo de gordura, tanto para ter o máximo de sabor e crocância do alimento como para proteger a airfryer”, completa.

Materiais proibidos ou que requerem cuidado

  • ? PLÁSTICO

Todas as fabricantes alertam contra o uso de plásticos no manual do produto: esse material pode derreter, danificar o eletrodoméstico e ainda contaminar a comida.

  • ⚠️ PAPEL ALUMÍNIO E PAPEL MANTEIGA

“Assim como alimentos leves, (esses papéis) podem encostar na resistência – além de interferir no resultado do preparo, pois impedem que o ar circule adequadamente”, explica Caleb Bordi, porta-voz da Philips Walita.

  • ✔️ SILICONE, CERÂMICA, METAL E VIDRO

Aqui, vale a regra “se pode ir no forno, pode ir na airfryer”. Por exemplo: o vidro deve ser temperado, para aguentar a temperatura alta.

Outra questão é que, mesmo podendo colocar na airfryer, as assadeiras podem reduzir a circulação de ar lá dentro, segundo Caleb Bordi, porta-voz da Philips Walita.

Há chances de que isso faça com que o alimento perca sua crocância característica ou não apresente um cozimento uniforme.

Por outro lado, elas permitem fazer preparos no aparelho que, de outra forma, não seriam possíveis, como bolos.

Para evitar que o cozimento fique desigual, o melhor é fazer em porções pequenas.

André Padilla usa uma minicaçarola de cerâmica para fazer alho confitado e petit gâteau na fritadeira. “É legal ter esse tipo de forma porque você nunca sabe quando vai precisar e, se não tiver, não vai poder fazer a receita”, diz.

Cuidados gerais

Para não ter problemas com nenhum tipo de preparo, a primeira precaução é ler atentamente o manual do aparelho. Nem sempre o que pode em um modelo vai poder em outro, especialmente de marcas diferentes.

Outro cuidado importante é conservar ao máximo o revestimento antiaderente da máquina, para aumentar sua vida útil.

“Quando se faz pão de queijo ou massa folhada – coisas que não têm uma gordurinha o suficiente para que não grude – é ideal que o antiaderente esteja intacto para que o alimento não grude antes de ficar pronto”, diz André Padilla.

Para isso, o criador de conteúdo recomenda untar o cesto da airfryer com uma fina camada de gordura, especialmente quando se cozinha massas ou alimentos que você já sabe que grudam.

“Azeite em spray ou pincelado, manteiga derretida ou óleo de coco são suficientes para que a superfície esteja untada”, sugere ele. “Também é legal preaquecer o aparelho”, completa.

Na hora de limpar, “retire sempre o plugue da tomada e deixe o produto esfriar”, alerta a Electrolux. “Não use produtos de limpeza abrasivos, escovas ou utensílios de metal para limpar o cesto removível, a fim de evitar danos ao revestimento antiaderente”, completa, em nota, a fabricante.

“É importante ressaltar que, para o processo de limpeza, não é recomendado preencher o cesto da airfryer com água e detergente e ligá-la, pois esse método pode causar curto elétrico”, adverte Caleb Cordi, da Philips Walita.

Fonte: G1

Últimas

L&F completa dez anos com dobro de faturamento em 2023

L&F completa dez anos com dobro de faturamento em 2023

29/02/2024

A marca conquistou o dobro de receita e número de pedidos alcançados em relação a 2022;...

Categorias