Suspeito de roubo a taxista morre em confronto com a polícia em Pederneiras

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

O roubo praticado contra um taxista na tarde desta segunda-feira (7), em Pederneiras (SP), terminou na morte de um dos suspeitos do crime e na prisão do outro.

Segundo a Polícia Militar de Jaú, a corporação recebeu denúncia de que um homem pedia socorro próximo ao quilômetro 207 da rodovia Comandante João Ribeiro de Barros (SP-225).

Quando os policiais chegaram ao local encontraram o motorista. Ele relatou que era taxista e tinha sido atacado por por dois homens que o contrataram para levá-los ao Fórum de Pederneiras.

A vítima disse que levou os supostos clientes até o local combinado, mas no trajeto o passageiro do banco de trás o atacou com uma “gravata” e o da frente roubou R$ 160. Em seguida, os dois fugiram.

A polícia iniciou as buscas e localizou um dos suspeitos no bairro Maria Helena, em Pederneiras, caminhando pela calçada e que se assustou ao ver a viatura.

Na abordagem, o homem confessou que era um dos autores do roubo e foi identificado pela vítima como o criminoso que o agrediu com a “gravata”. O suspeito de 35 anos estava com R$ 73 do roubo e foi encaminhado até a delegacia de Pederneiras, onde foi preso.

Mais tarde, policiais da Força Tática localizaram o segundo suspeito, também em um bairro de Pederneiras. Segundo a polícia, o homem tentou fugir e atirou duas vezes na direção dos policias, que reagiram e atingiram o suspeito com três tiros no peito.

O serviço de socorro foi acionado e constatou a morte do homem de 32 anos. Ele também foi reconhecido pela vítima como o que participou do roubo. As armas, do suspeito e dos policiais, foram apreendidas para as investigações.

Fonte: G1

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes