Nutricionista de Bauru lança método terapêutico nutricional para superar a compulsão por doces, massas e gorduras em excesso

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

Muita gente que vive correndo atrás de certos alimentos, nem imagina que pode estar vivendo um perigoso círculo vicioso relacionado com tristezas, frustrações, decepções, estresse e ansiedade.Quando a pessoa está sofrendo, seu corpo pode começar a procurar, excessiva e inconscientemente, alguns tipos de alimentos, nada saudáveis, que equilibram os níveis bioquímicos cerebrais, trazendo uma sensação momentânea de paz e calma.E quais são os alimentos que podem se encaixar nessa situação?

Os doces, as massas e as gorduras (frituras e outros) são estimulantes de serotonina e dopamina, neurotransmissores que minimizam os sintomas dos estados depressivos e ajudam a trazer calma e bem estar.Daí, quando o efeito produzido pelas comidinhas passa, a tensão volta e isso pode se tornar um novo motivo para comer novamente os tais alimentos.

Inicia-se, assim, um círculo vicioso nada virtuoso em que a pessoa tem, realmente, a sensação instantânea e enganadora de melhora do seu estado, o que passa a ser interpretado como uma reação benéfica. Na verdade, essa fuga alimentar é perigosamente viciante e pode levar a compulsão alimentar e a obesidade.Isso é um quadro alimentar que, ao se tornar prevalente na nossa vida, pode ser considerado Dependência Química Alimentar.

Sem saber que estão vivendo nesse círculo vicioso, as pessoas apenas sentem que não conseguem resistir aos doces, massas e alimentos gordurosos ou vivem pensando neles e passando vontade.Nos dias de hoje, cada vez mais, quem vive sob tensão, acaba procurando essas pequenas muletas para se acalmar. Isso é um fato cada vez mais constatado nos consultórios nutricionais e um grande numero de pessoas, de todas as idades, sente dificuldade de fazer dieta e controlar os níveis de colesterol e diabetes, justamente por ter desenvolvido essa Dependência Química Alimentar.

Preocupada com a incidência, cada vez mais frequente, desse desvio alimentar,  a nutricionista e especialista em saúde quântica, Eliane Arena, lança uma metodologia para combater, tratar e prevenir, nutricionalmente, a Dependência Química Alimentar.

Utilizando a metodologia assinada por ela – a D4C – Dieta dos 4 Corpos – que trata e nutre, ao mesmo tempo, as quatro dimensões do corpo humano (físico, mental, emocional e energético), Eliane criou um protocolo inédito e exclusivo para os cuidados desse perfil alimentar.A duração do tratamento é de 60 dias – período em que o paciente realiza um reprogramação em sua consciência, em seus hábitos nutricionais, em seus gatilhos emocionais, em seu estado mental e em seu perfil energético.

A ideia da nutricionista é criar um novo padrão neuro nutricional, modificando comportamentos inadequados na procura dos alimentos, reforçando a produção natural dos neurotransmissores e auxiliando os pacientes na implantação de novos hábitos seguros, adequados e saudáveis.

O início de tudo é a análise do temperamento e da personalidade do paciente que responde a um questionário estratégico e indicativo de muitas armadilhas que existem ou podem surgir no seu dia a dia.Depois, ocorre a realização de vários exames que descobrem desde as carências nutricionais e suplementares do indivíduo, até as fraquezas energéticas, intolerâncias, níveis de estresse, performance dos órgãos e do metabolismo e frequências corporais desarmônicas.

Na consulta, o diagnóstico é completamente descrito e o perfil do paciente é definido, detectando-se os horários em que os gatilhos do DQA ocorrem, os tipos de alimentos preferencialmente procurados e as sensações do antes, durante e depois. De acordo com as características de sua Dependência Química Alimentar, um cardápio é criado com todas as substituições necessárias para o momento dos gatilhos e da fome oculta.

Além do cardápio, o paciente já leva consigo para casa, um floral especialmente criado para o perfil psicológico/emocional da DQA, pela conhecida Terapeuta Floral, Tânia Negrão; bem como um florais vibracionais para recuperação das frequências corporais que induzem ao estado ideal de geração de neurotransmissores e controle do estresse e da ansiedade, além de fitoterápicos para reestabelecimento da calma e da harmonia e suplemento para auxílio na dependência do açúcar.

A metodologia inclui o controle dos picos de DQA através de aplicativo de autoconhecimento e controle das situações do dia a dia e contato permanente com a nutricionista, através dos grupos de whatsapp (DQA); além de sessões calmantes no NEUROSPA – equipamento oriundo da física quântica que auxilia na regulação das ondas cerebrais.Tudo resulta numa rede de apoio para libertação do perigoso ciclo viciante das comidas que ajudam a suportar os problemas da existência, cujo objetivo é dar um start em boas escolhas alimentares.

Nas consultas nutricionais eu percebo o quanto as pessoas sofrem para retirar o excesso de doces, massas e gorduras do dia a dia. Muita gente pensa que é impossível resistir a essas tentações. Por isso eu estou muito feliz com essa nova metodologia. Vou poder ajudar as pessoas a escaparem dessa armadilha alimentar que é tão viciante e prejudicial para a saúde, o metabolismo, o peso e até para o astral. E o melhor: com inteligência e sem sofrimento” – é o que diz Eliane, comemorando seu novo trabalho que em breve deve virar livro.

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes