Morre paciente queimado em incêndio dentro de hospital em Marília

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

Um dos pacientes queimados por um incêndio no Hospital Espírita de Marília (HEM) morreu na madrugada de domingo (14), uma semana após a ocorrência. O outro paciente ferido segue internado.

Segundo a diretoria do hospital, um dos pacientes que fazia tratamento de dependência química estaria revoltado com a internação e teria ateado fogo em um colchão usando um isqueiro, no dia 7 de abril. As chamas se alastraram e acabaram provocando queimaduras em dois pacientes, que inalaram fumaça.

Segundo a Polícia Civil, durante o incêndio na ala masculina do hospital, a vítima, de 35 anos, ficou gravemente ferida, com 45% do corpo queimado. O homem chegou a ser socorrido e encaminhado ao Hospital de Marília, mas não resistiu aos ferimentos.

O outro paciente atingido pelo incêndio teve 35% do corpo atingido pelas chamas, incluindo queimaduras das vias respiratórias, e segue internado na Santa Casa de Catanduva (SP).

O Hospital Espírita de Marília lamenta o ocorrido e reitera que segue na apuração dos fatos, por meio de uma sindicância, para descobrir como o responsável teve acesso ao isqueiro que causou o incêndio na unidade.

Relembre o caso

Os dois pacientes do Hospital Espírita que ficaram queimados foram socorridos pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levados para o Hospital das Clínicas da cidade com queimaduras pelo corpo. Devido à gravidade, os dois foram transferidos para hospitais da região.

O HEM acionou a Brigada de Incêndio, que conteve as chamas com apoio do Corpo de Bombeiros. Os outros internos da ala foram retirados do local.

O paciente que teria provocado o incêndio foi contido e encaminhado à Central de Polícia Judiciária para apuração do caso.

A direção do HEM disse que existe um controle rigoroso não permitindo que pacientes fumem e tenham acesso a qualquer tipo de objeto, como foi o caso do isqueiro que causou o incidente. Dessa forma, uma sindicância vai apurar os fatos.

Em nota, o Hospital Espírita de Marília disse ainda que está prestando todo apoio aos pacientes feridos.

Fonte: G1

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes