‘Família arrasada’, diz viúva de homem que morreu durante partida de futebol em Botucatu

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

A morte do montador de móveis Carlos José de Carvalho, de 51 anos, durante uma partida de futebol com amigos em Botucatu (SP), no sábado (5), causou comoção em Avaré (SP), onde ele morava com a família: a esposa e dois filhos. O corpo de Carlos foi sepultado no domingo (6), na cidade.

A viúva Marilza da Costa falou ao G1 nesta segunda-feira (7) que a família está arrasada. “É difícil, porque a gente nunca espera que a pessoa saia de casa para se divertir e não volte. Muita gente ainda não acredita no que aconteceu. Estamos todos arrasados”, diz Marilza.

Carvalho morreu após cair e passar mal durante partida entre amigos de Avaré e Botucatu, todos acima dos 50 anos. De acordo com testemunhas, ele deu um “carrinho” em outro jogador, bateu a cabeça no chão e acabou sendo retirado do jogo. Ele se recuperou fora do campo e voltou ao jogo mesmo com algumas dificuldades para respirar, mas acabou desmaiando. Carvalho chegou a ser socorrido ao Hospital das Clínicas, mas não resistiu. A morte foi registrada como edema pulmonar agudo.

Segundo a viúva, Carvalho jogava toda semana e mantinha hábitos saudáveis. “Não fumava e sempre estava praticando exercícios físicos com os amigos. Só que, como quase todo homem, não ia ao médico. Ele era um homem tranquilo, divertido. Há 18 anos estávamos juntos, ele era meu grande companheiro. Era muito festeiro, e eu também, sempre que podíamos fazíamos nosso churrasquinho para aproveitar os fins de semana”, recorda.

Além de Marilza, Carlos José de Carvalho deixa dois filhos, rapaz de 16 anos e uma adolescente, de 14, fruto do relacionamento entre os dois. Ele também deixa dois afilhados, uma jovem de 22 anos e um rapaz, de 18.

Fonte: G1

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes