Rainha Elizabeth II expressa solidariedade às vítimas da tragédia em Petrópolis

A rainha Elizabeth II, da Inglaterra, expressou nesta segunda-feira (21) solidariedade às vítimas da tragédia em Petrópolis que já deixou mais de 170 mortos.

Por uma rede social, a rainha disse que ficou muito triste ao saber da trágica perda de vidas e da destruição causada pelas terríveis enchentes no Brasil.

A monarca escreveu também que reza pelas vidas perdidas e pelos familiares das vítimas, assim como para os serviços de emergência e para os voluntários que ajudam nos resgates.

A rainha britânica trabalha de casa mesmo depois de ser diagnosticada com a Covid-19. Segundo o Palácio de Buckingham, a rainha está apenas com sintomas leves, parecidos com os de um resfriado.

Apoio do Papa

Na semana passada, o Papa Francisco disse que rezava pelas vítimas da tragédia em Petrópolis, segundo telegrama enviado pela Santa Sé ao bispo de Petrópolis.

No documento, assinado pelo secretário de Estado do Vaticano, cardeal Pietro Parolin, Francisco diz a dom Gregório Paixão Neto que confia ao bispo “transmitir às famílias das vítimas suas condolências”.

No telegrama, o secretário de Francisco diz que o Pontífice tomou conhecimento da tragédia em Petrópolis com “profundo pesar”.

Boletim da Santa Sé com telegrama enviado ao cardeal de Petrópolis em solidariedade às vítimas da tragédia — Foto: Reprodução/Vaticano
Boletim da Santa Sé com telegrama enviado ao cardeal de Petrópolis em solidariedade às vítimas da tragédia (Foto: Reprodução/Vaticano)

Ele também pede que o bispo de Petrópolis ofereça palavras de conforto aos que perderam seus familiares e suas moradias.

Francisco disse também que deseja “pronto restabelecimento e serenidade e consolação da esperança cristã para todos os atingidos pela dolorosa provação”.

Fonte: Yahoo!