Quatro pessoas são mortas em acampamento cigano no DF

Cinco pessoas foram baleadas na manhã deste sábado (1) em acampamento cigano na região conhecida como Rota do Cavalo, localizada em Sobradinho, no Distrito Federal. De acordo com a Polícia Civil, quatro vítimas morreram. As circunstâncias do crime estão em investigação.

O caso foi registrado por volta das 13h20. De acordo com a Polícia Civil, cinco homens armados chegaram juntos em um carro e dispararam contra o grupo de pessoas. Três delas morreram no local.

Uma das vítimas chegou a ser encaminhada ao Hospital Regional do Paranoá, mas não resistiu aos ferimentos. Uma quinta pessoa ficou ferida no braço e passa por procedimento cirúrgico, segundo a Polícia Militar.

Polícia Civil faz perícia após homicídio em acampamento cigano na Rota do Cavalo, no DF  — Foto: TV Globo/Reprodução
Polícia Civil faz perícia após homicídio em acampamento cigano na Rota do Cavalo, no DF (Foto: TV Globo/Reprodução)

De acordo com o Corpo de Bombeiros, além dos ferimentos de bala, as vítimas apresentaram machucados aparentemente causados por objeto cortante e agressão física.

Investigação

A Polícia Civil investiga se os envolvidos no crime estavam negociando carros roubados ou irregulares no acampamento. No local, foram apreendidos três veículos com registros adulteradas.

Ainda de acordo com a Polícia Civil, o carro supostamente usado pelos atiradores tem placa clonada e registro de roubo (veja na foto abaixo).

Área de acampamento cigano na Rota do Cavalo, no Distrito Federal, é isolada para perícia após homicídio  — Foto: TV Globo/Reprodução
Área de acampamento cigano na Rota do Cavalo, no Distrito Federal, é isolada para perícia após homicídio (Foto: TV Globo/Reprodução)

A identidade dos envolvidos não foi divulgada até a última atualização desta reportagem. Uma testemunha ouvida por policiais informou que uma das vítimas morava no assentamento, ao contrário das outras três.

Suspeitos

A Polícia Militar informou que foram identificados dois suspeitos. Ambos também foram baleados. Um deles deu entrada no Hospital Regional do Gama e outro no Hospital Regional de Santa Maria.

O caso foi registrado na 13ª Delegacia de Polícia (Sobradinho), que acompanha o caso.

Fonte: G1

Scroll Up