Quadrilha armada com fuzis explode caixas eletrônicos em banco de Bariri

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

Uma agência bancária do Santander de Bariri (SP) foi atacada por uma quadrilha na madrugada deste sábado (8).

O grupo explodiu dois caixas eletrônicos e ainda disparou tiros de fuzis, inclusive contra outro banco que fica em frente do local atacado. Pelo menos uma pessoa ficou ferida, mas sem gravidade.

Segundo a Polícia Militar, cinco homens entraram na agência localizada no centro da cidade, por volta das 3h, e explodiram os caixas eletrônicos.

Além da sala onde ficam os caixas, outras partes da agência foram atingidas pela força da explosão (Fotos: Igor Rodrigues/Arquivo pessoal)

A explosão destruiu o local onde ficavam os caixas e deixou estilhaços das portas de vidro até o meio da rua.

Ainda segundo a PM, momentos antes de atacar a agência bancária, o grupo invadiu uma lanchonete, ameaçou clientes e levou dinheiro e objetos. Os homens foram para o banco em seguida.

Enquanto preparavam os explosivos, outros ficaram do lado de fora fazendo pedestres como reféns. Uma viatura da PM foi ao local, mas precisou recuar porque estava sem apoio e em menor número.

Ao todo, foram encontradas 20 cápsulas de fuzil nas ruas. Um dos tiros atingiu o pé de um morador da cidade que passou pelo local dos ataques.

Carro foi atingido por tiro de fuzil durante a ação dos assaltantes em Bariri (Foto: Arquivo pessoal)

Ele era passageiro de um carro que foi alvejado. O homem foi levado para a Santa Casa de Bariri, atendido e liberado.

De acordo com a Polícia Militar, toda a ação do bando durou cerca de 50 minutos. Após as explosões, o grupo fugiu de carro, que foi encontrado abandonado pela PM próximo a Bariri.

Ainda de acordo com a PM, o veículo havia sido furtado em Campinas (SP). Os assaltantes não foram encontrados e o valor levado do banco não foi informado.

Em nota, a assessoria de imprensa do Santander confirmou o roubo e disse que está colaborando com as investigações policiais.

Estilhaços das portas de vidro ficaram espalhados na rua, onde também foram encontradas cerca de 20 cápsula de fuzil (no detalhe) (Foto: Igor Rodrigues/Arquivo pessoal)

Fonte: G1

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes