Prefeitura defende permanência do elefante e Sandro no zoo de Sorocaba em relatório ao MP

A Prefeitura de Sorocaba (SP) protocola, nesta segunda-feira (28), um relatório técnico em defesa da permanência do elefante Sandro no zoológico municipal. O poder público montou uma comissão após manifestantes protestarem contra a transferência do animal, em frente ao Zoológico “Quinzinho de Barros”.

Elefante Sandro, no Parque Zoológico Municipal Quinzinho de Barros, em Sorocaba, em setembro de 2021 — Foto: Eduardo Ribeiro Jr./g1
Elefante Sandro, no Parque Zoológico Municipal Quinzinho de Barros, em Sorocaba, em setembro de 2021 (Foto: Eduardo Ribeiro Jr./g1)

No dia 12 de março, a prefeitura havia informado que acatou a recomendação do Ministério Público de transferência do elefante Sandro para o Santuário de Elefantes Brasil, na Chapada dos Guimarães (MT).

Protesto contra a transferência do elefante Sandro foi realizado em frente ao Zoo de Sorocaba  — Foto: Volta Black/Arquivo Pessoal
Protesto contra a transferência do elefante Sandro foi realizado em frente ao Zoo de Sorocaba (Foto: Volta Black/Arquivo Pessoal)

O documento detalha todas as possíveis consequências que a viagem até o santuário pode acarretar à saúde do elefante Sandro, bem como a mudança repentina de ambiente depois de tantos anos no zoo, já que se trata de um animal idoso.

O documento, segundo a prefeitura, foi feito por especialistas da área, incluindo os profissionais do “Quinzinho de Barros”.

Recomendação do MP

Haisa e Sandro no zoo de Sorocaba (SP) — Foto: TV TEM/Reprodução
Haisa e Sandro no zoo de Sorocaba (SP) (Foto: TV TEM/Reprodução)

A recomendação do MP foi feita após a morte de Haisa, que foi companheira do animal por 20 anos. Sandro está sendo monitorado pela equipe do zoo desde a partida da elefanta, no dia 18 de novembro de 2020. O caso é acompanhado pelo promotor Jorge Alberto de Oliveira Marum.

De acordo com a prefeitura, a decisão da transferência era para buscar o melhor para o bem-estar do animal, em razão da necessidade de convívio com outros indivíduos da sua espécie.

Fonte: G1